Hyundai HB20X supera Argo Trekking e Stepway como melhor hatch ''aventureiro''

Rival de Renault Stepway e Fiat Argo Trekking, conheça os pontos fortes do Hyundai
Hyundai HB20X 2021

Hyundai HB20X 2021 | Imagem: Divulgação

Aqui no AUTOO abordamos recentemente o tema dos hatches compactos “esportivados”, analisando qual é a melhor escolha entre o Chevrolet Onix RS, Fiat Argo HGT e Hyundai HB20 Sport. Agora chegou a vez de nos aprofundarmos sobre outro segmento tipicamente brasileiro, no caso os compactos “aventureiros”.

Em uma época onde SUVs compactos sequer eram cogitados, a Fiat surgiu com a ideia de criar uma versão com apelo mais robusto e assim lançou a station Palio Adventure no começo dos anos 2000. Com suspensão elevada, apliques plásticos pela carroceria e pneus de uso misto, surgia uma combinação que acertaria em cheio a preferência do público no país. 

Solução que foi aprimorada ao longo dos anos, os compactos “aventureiros” até hoje figuram como uma alternativa bem mais barata em relação aos utilitários esportivos, atendendo quem deseja apenas um hatch com um visual robusto e a conveniência que a maior altura em relação ao solo traz para encarar buracos e valetas na cidade, bem como estradas de chão batido a caminho do sítio no fim de semana.

Hoje em dia temos no mercado três opções de compactos com essa proposta: o Hyundai HB20X em sua nova geração, o Fiat Argo Trekking e o Renault Stepway, modelo renovado em 2019. 

Apesar do visual polêmico e que não foi unanimidade na época da estreia, o modelo da Hyundai hoje se destaca entre os rivais diretos em especial por conta do custo-benefício e o nível superior de tecnologia que oferece.

Considerando os valores para a maior parte do Brasil, o Hyundai HB20X em seu catálogo topo de linha Diamond Plus é tabelado em R$ 85.290 e sai de fábrica com o importante alerta de colisão com frenagem autônoma de emergência e o aviso de saída involuntária da faixa de rodagem. Também completam seu pacote de itens de série os controles de tração e estabilidade, 4 airbags, rodas de liga leve aro 16”, revestimento interno de couro (incluindo o volante), chave presencial, central multimídia com câmera de ré, sensor de estacionamento, acendimento automático dos faróis, entre outros.  

Comparado com os rivais em suas opções topo de linha, a vantagem do custo-benefício do HB20X é gritante. O Renault Stepway Iconic, por exemplo, tem valor sugerido de R$ 87.090 e traz um pacote de itens de série semelhante ao HB20X, mas fica devendo itens de segurança avançados como os assistentes de condução presentes no Hyundai.

A Fiat, por sua vez, adota para o Argo Trekking 1.8 automático um valor convidativo (R$ 80.290), porém, para deixá-lo com um nível de equipamentos mais próximo ao de HB20X Diamond Plus e Stepway Iconic, é necessário adicionar o pacote opcional “Kit Trekking Full”, o qual eleva o preço do Fiat para R$ 86.570. Além de mais caro do que o Hyundai, o Argo Trekking ainda deve os airbags laterais e também não conta com nenhum assistente de condução. 

Interessante destacar que os três “aventureiros” reunidos na análise não contam com motores turbo, opção que existe ao menos na linha HB20. De qualquer forma, HB20X (1.6 16V - 130 cv/16,5 kgfm) e Stepway (1.6 16V - 118 cv/16 kgfm) são opções com conjuntos mecânicos melhor resolvidos do que o Argo Trekking (1.8 16V - 139 cv/19,3 kgfm). Enquanto o Renault e o Hyundai conseguem acelerar de 0 a 100 km/h na casa de 11 segundos, o Fiat é ligeiramente mais rápido (10,5 segundos) graças ao torque superior, porém cobra a conta no consumo.

O Argo Trekking 1.8 automático registra parciais de até 9,4 km/l na cidade e 11,9 km/l na estrada com gasolina, números que ficam em 11,7 e 13,3 km/l, respectivamente, no caso do HB20X Diamond Plus, o qual conta com o reforço do start-stop para ajudar na redução do consumo em uso urbano. O Stepway Iconic também aproxima-se do Hyundai ao registrar 11,5 e 12 km/l nas mesmas condições de uso. Logo, o Fiat não compensa as médias maiores de consumo por conta de sua discreta vantagem em desempenho. 

É fato que o Argo Trekking automático precisa de um motor mais eficiente para melhorar seu posicionamento frente aos rivais, algo que já deve estar nos planos da Fiat quando seu 1.0 turbo com injeção direta começar a ser fabricado por aqui. Caso o novo propulsor chegue ao Argo Trekking, a situação do modelo pode tornar-se bem mais favorável. 

Quesito importante quando avaliamos versões especiais que buscam entregar diferenciais de estilo, os três modelos reunidos aqui tendem a agradar por conta de suas respectivas receitas “aventureiras”. Argo Trekking, Stepway e HB20X oferecem suspensões mais elevadas em relação aos demais catálogos dos hatches sob os quais são baseados e abusam das molduras plásticas pela carroceria em busca de um visual mais robusto.

Pode parecer apenas um detalhe, mas conta a favor do Argo Trekking a presença dos pneus de uso misto, recurso que faz diferença ao trafegar por vias não pavimentadas. No caso do Hyundai, interessante a solução da marca em criar molduras assimétricas para as caixas de rodas, o que de fato confere um aspecto muscular ao perfil do HB20X. Na parte interna, os três modelos ainda contam com diferenciais estéticos próprios de suas versões “off-road light”.

Em resumo, se o HB20 Sport não levou o título de melhor escolha entre os “esportivados”, o irmão HB20X merece a coroa entre os “aventureiros” sobretudo por conta do nível de equipamentos superior e o custo-benefício competitivo. Se a mecânica não surpreende, ao menos ela não deixa a desejar quando o assunto é eficiência. Além disso, os cinco anos de garantia certamente figuram como um diferencial do modelo. O visual da gama HB20 em sua segunda geração pode não ser unanimidade, mas a marca sul-coreana acertou em cheio na precificação do portfólio, por isso vale a pena você conhecê-lo se está de olho em um hatch com a proposta que é o tema de nossa análise. 

Em segundo lugar, podemos apontar o Renault Stepway Iconic como uma boa alternativa ao HB20X Diamond Plus. Apesar de não trazer o nível superior de tecnologia do HB20X topo de linha, encontramos no Renault os principais itens de conforto, comodidade e segurança a um preço competitivo. Em termos mecânicos, o motor 1.6 SCe forma uma competente dupla com o câmbio automático CVT. A favor do modelo conta ainda o amplo espaço interno e o bom porta-malas de 320 litros, no mesmo nível de SUVs compactos como o Jeep Renegade e o Citroën C4 Cactus. Por fim, apesar de oferecer o estilo mais elaborado dos três, fruto da experiência e know-how da Fiat em conceber versões desse tipo, o Argo Trekking 1.8 fica em terceiro lugar por conta do custo-benefício pouco favorável quando pesamos seus equipamentos de série e a falta de eficiência de seu conjunto mecânico frente aos rivais aqui reunidos. E para você, qual seria sua escolha? 

Hyundai HB20X 2021

Hyundai HB20X 2021

Mais sofisticados, novos Logan, Sandero e Stepway 2020 vão colaborar para aumentar as vendas da Renault no país

Mais sofisticados, novos Logan, Sandero e Stepway 2020 vão colaborar para aumentar as vendas da Renault no país