Kia Sportage flex chega por R$ 90.900

Crossover agora com motor 2.0 bicombustível pode gerar até 178 cv com etanol

Kia Sportage 2010 | Imagem: Kia

Depois do Soul e o novo Picanto ganharem motores bicombustíveis, o próximo produto da Kia Motors capaz de rodar com etanol e gasolina em qualquer proporção de mistura é o Sportage, que também passa a ser o único veículo de seu gênero (crossover médio) a possuir tal capacidade. O modelo de entrada (P.525) custa R$ 90.900 – um acréscimo de R$ 2.000 em relação a série anterior, a gasolina.

Segundo a marca, a reformulação do motor 2.0 16V elevou sua performance: a potência pode chegar a 178 cv com álcool e 169 cv com gasolina, ante 166 cv do bloco anterior.

O motor flex passa a ser item de série em todas as cinco versões do Sportage parte da linha 2012, que será oficialmente anunciada pela marca no dia 7 de fevereiro. Entretanto, o modelo já é anunciado no website nacional da marca.

Versões

Somente a versão de entrada (P.525) do crossover é equipada com câmbio manual de 6 marchas. As demais vêm com transmissão automática sequencial igualmente com 6 velocidades. De série, todas as opções Sportage Flex já trazem freios ABS, ar-condicionado, direção elétrica, airbag duplo frontal e sistema de áudio.

A primeira versão automática (P.575) tem preço estipulado em R$ 95.400 e vem com os mesmos itens da série abre-alas, que contempla ainda chave presencial, faróis de neblina e retrovisores com ajuste elétrico. O modelo seguinte (P.586), melhor equipado, recebe como adicionais climatizador digital, banco do motorista com ajuste eletrônico, controle de estabilidade (ESP) e bancos revestido em couro. Custa R$ 109.300.

O Sportage top de linha (P.587) tem como diferenciais a presença de 10 airbags e câmera de ré (a imagem é transmitida para uma tela de 3,5’ no centro do painel). Seu valor foi fixado em R$ 114.600.  Por fim, o último modelo do catálogo (P.685) tem o mesmo conteúdo da série intermediária, mas vem com tração 4x4 por R$ 113.900.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!