Nissan confirma novo Sentra e tecnologia e-Power no Brasil em 2023

Marca anuncia retorno ao segmento de sedãs médios com um rival para Toyota Corolla e cia.
Acima o Nissan Sentra que será comercializado na América Latina

Acima o Nissan Sentra que será comercializado na América Latina | Imagem: Divulgação

A Nissan realizou alguns anúncios relevantes nesta semana envolvendo o mercado brasileiro. 

O primeiro deles diz respeito à volta da marca ao segmento de sedãs médios com a importação da geração mais recente do Sentra ao país. 

A estreia do modelo ocorrerá ao longo do primeiro semestre de 2023. 

Já comercializado na Argentina, o Sentra em sua oitava geração chega do México ao país vizinho com motor 2.0 16V flex em versões com câmbio manual de 6 marchas ou automático CVT. 

Além do visual arrojado, o sedã traz melhorias estruturais, tais como a suspensão independente nas quatro rodas com disposição multibraço no eixo traseiro. 

Interior do Nissan Sentra mexicano em sua geração mais recente
Interior do Nissan Sentra mexicano em sua geração mais recente
Imagem: Divulgação

No quesito tecnologia, o sedã médio recebeu assistentes de condução avançados, entre eles o alerta de colisão com frenagem autônoma de emergência, piloto automático adaptativo, monitoramento de pontos cegos, entre outros. 

É provável que, para o mercado brasileiro, a Nissan também siga a estratégia adotada na Argentina, talvez priorizando apenas a oferta do sedã médio com câmbio automático por aqui. 

De forma oficial, a Nissan não antecipou qual será a configuração escolhida para o Sentra no Brasil, nem mais informações sobre o modelo por aqui. 

Teto contrastante será um dos opcionais para o novo Sentra
Teto contrastante é um dos opcionais para o novo Sentra
Imagem: Divulgação

Híbrido 

A segunda novidade importante da Nissan diz respeito à confirmação da estreia do conjunto propulsor eletrificado e-Power no Brasil e região também a partir do próximo ano.

O e-Power consiste em um híbrido em série, na qual o carro é tracionado somente pelo motor elétrico. 

Detalhe do sistema propulsor e-Power aplicado no Nissan Note
Detalhe do sistema propulsor e-Power aplicado no Nissan Note
Imagem: Divulgação

Na disposição do sistema e-Power, cabe ao propulsor térmico atuar apenas como um gerador, produzindo a eletricidade necessária para recarregar a bateria principal do sistema.

A Nissan não adiantou qual será o modelo que vai inaugurar a tecnologia e-Power na América do Sul, porém uma boa aposta recai para o Kicks híbrido, já oferecido em alguns mercados.

Nissan Kicks e-Power comercializado no Japão
Acima o Nissan Kicks e-Power comercializado no Japão e atualizado recentemente
Imagem: Divulgação

Recomendados por AUTOO

Youtube
Volvo XC40, um SUV elétrico com preço mais acessível

Volvo XC40, um SUV elétrico com preço mais acessível

Modelo custa menos que similares alemães e não decepciona. Confira avaliação
Aviação
Embraer tenta vender o avião de ataque A-29 Super Tucano para Gana

Embraer tenta vender o avião de ataque A-29 Super Tucano para Gana

País africano quer usar turboélice brasileiro para combater grupos terroristas e pode encomendar até cinco aeronaves
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!