Nissan revela teaser da nova picape Frontier que deverá vir da Argentina

Fabricante japonesa tem planos de lançar 30 modelos até 2026, sendo 16 com algum tipo de eletrificação
Nissan Frontier

Nissan Frontier | Imagem: Divulgação

Durante a apresentação da nova estratégia global da Nissan, a marca japonesa revela que tem planos de lançar 30 modelos no mundo até 2026, sendo 16 deles com algum tipo de eletrificação. Entre as imagens que foram mostradas chamou a atenção a da nova geração da picape Frontier, mesmo apesar do utilitário aparecer meio borrado.

O plano global da Nissan, denominado "The Arc"também incluiu a América Latina, onde serão lançadas algumas novidades, entre as quais a nova geração do SUV compacto Kicks, uma das principais atrações do Salão de Nova York (EUA), que abrirá suas portas para o público entre os dias 29 de março e 7 de abril.

VEJA TAMBÉM:

No caso da picape Frontier da nova geração, a Nissan diz apenas que o modelo vai estrear primeiro na Ásia e Oceania, o que tem acontecido ultimamente. Países como a Tailândia recebem os utilitários médio e grandes em primeira mão e o mesmo vai acontecer com a nova Frontier, cuja atual geração é fabricada na Argentina.

Além da Frontier, há novos modelos eletrificados

Nissan Kicks 2025
Nissan Kicks da nova geração será fabricado em Resende (RJ) a partir do ano que vem
Imagem: Divulgação

E isso vai continuar, já que foi conformado que a  fábrica argentina, em Santa Isabel foi a escolhida para a montagem de quatro picape da Renault e Nissan, duas delas compactas e as outras médias. As compactas serão as derivadas do protótipo Niagara, mostrado pela primeira vez no Rio de Janeiro. E as médias estão sendo consideradas as evoluções da Frontier e da Alaskan.

Dentro do plano global da Nissan, a fabricante japonesa espera que os veículos eléctricos representem 40% da gama de modelos em 2026-2027 e atinjam 60% até ao final da década. Por outro lado, a Nissan quer reduzir os custos de produção dos veículos eléctricos em 30% face ao SUV Ariya e espera alcançar a paridade de custos entre os veículos de combustão interna e eléctricos em 2030.

Além disso, a Nissan trabalha em uma nova geração de baterias de lítio, níquel, manganês e cobalto (NCM), com velocidade de carregamento 50% mais rápida e densidade de energia 50% melhor que o Ariya. E desenvolve novas baterias de “estado sólido”, com chegada prevista para 2028 ou 2029.

Siga o AUTOO nas redes: WhatsApp | LinkedIn | Youtube | Facebook | Twitter

 

 

Carlos Guimarães

Jornalista há mais de 20 anos, já acelerou várias novidades, mas não dispensa seu clássico no final de semana

Recomendados por AUTOO

Youtube
RAM Rampage Laramie a diesel

RAM Rampage Laramie a diesel

Será que ainda é vantajoso ter picape com motor turbodiesel?
Aviação
Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Mas nega que isso possa atrapalhar operação dos novos Gripen suecos
MOTOO
A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

Lista reúne as 10 motos mais baratas do Brasil em maio de 2024. Descubra as opções