No futuro elétrico da GM, como ficará o Chevrolet Camaro?

Apurações sugerem o caminho que a marca norte-americana vai seguir
Acima o Chevrolet Camaro ZL1 vendido nos EUA

Acima o Chevrolet Camaro ZL1 vendido nos EUA | Imagem: Divulgação

A GM mostra-se amplamente comprometida com o futuro elétrico de suas marcas e modelos, tanto que a partir de 2035 todos os lançamentos do conglomerado contarão apenas com alguma forma de propulsão não poluente.

Mas, dentro dessa estratégia, qual será o caminho para o Chevrolet Camaro, modelo que traz como principal apelo a esportividade e sempre fez história oferecendo motores de grande deslocamento sob o capô?

Segundo apuração recente do Automotive News, tanto o Chevrolet Camaro quanto o Chevrolet Malibu não deverão ter sucessores diretos quando o atual ciclo de suas presentes gerações chegarem ao fim.

A estratégia da GM, segundo relata o veículo de imprensa norte-americano, será substituir os dois modelos por um sedã elétrico de alta performance em 2024. Ainda não se sabe se tanto o Malibu quanto o Camaro serão substituídos de maneira conjunta pelo novo sedã elétrico ou a GM pode preservar os dois nomes famosos na gama Chevrolet preparando configurações distintas baseadas no mesmo sedã.

Troca de carroceria 

No caso do Malibu, a evolução faria bastante sentido, em especial pelo fato de que sedãs elétricos, como o Tesla Model S, demonstram boa aceitação em mercados como o dos EUA.

A grande questão seria o impacto de substituir a tradicional silhueta cupê do Chevrolet Camaro por um três volumes mais convencional. Certamente, para lidar com essa questão, o time de design da marca deverá projetar um modelo com traços bem mais arrojados.

Em termos de performance, contudo, o futuro sucessor do Camaro não deverá desapontar, uma vez que a picape Hummer EV com seus mais de 1.000 cv nos prova que a questão do alto desempenho também já está presente em modelos com propulsão limpa. 

Em seu caminho rumo à eletrificação total da gama, a Chevrolet deverá substituir dentro de um a dois anos o Spark, Trax (geração anterior do Tracker nos EUA) e o Bolt EV por um crossover elétrico, mesmo caminho que será adotado para o Buick Encore e o Bolt EUV alguns anos depois. 

No Brasil, o Chevrolet Camaro é comercializado somente com motor 6.2 V8 de 461 cv, podendo ser encontrado nas opções cupê (R$ 397.360) e conversível (R$ 444.980), ambos ainda comercializados na linha 2020. 

Chevrolet Camaro 2020
Chevrolet Camaro 2020
Imagem: Divulgação