Um dos modelos de maior volume de vendas da Audi aqui no Brasil, o SUV compacto de luxo Q3 já está com sua próxima geração prevista para estrear no próximo ano.

Enquanto algumas unidades já rodam praticamente prontas em pistas tradicionais como Nürburgring finalizando seus últimos acertos dinâmicos, é possível notar que o Q3 ganhará elementos estéticos seguindo os passos dos primos maiores Q5 e Q7, ambos atualizados há pouco tempo.

A expectativa é que o novo Q3 ganhe algo em torno de 10 cm no comprimento até mesmo para se distanciar do Q2 em termos de porte. Agora baseado na plataforma modular do grupo Volkswagen, o Q3 deverá perder cerca de 50 kg no peso graças às evoluções técnicas da arquitetura. O modelo também deverá ganhar em rigidez torcional e silêncio a bordo. Na mesma medida, o comportamento dinâmico também deverá ser melhor.

Estão previstas para a nova geração opções com o sistema de tração integral quattro para as configurações mais potentes e caras, bem como a Audi também deverá lançar no médio prazo uma variante elétrica do novo Q3 com propulsão totalmente elétrica e autonomia na casa de 300 km.

A apresentação do novo Q3 deverá ser realizada até o fim deste ano ou no máximo o início de 2019. O modelo precisa se atualizar sobretudo com a chegada de rivais interessante como o Volvo XC40 e o Jaguar E-Pace.

Nas configurações mais esportivas, um dos destaques pode ficar para o novo SQ3, que deverá utilizar o motor 2.0 turbo com potência na casa de 310 cv e por volta de 40 kgfm de torque. Com ele, o SUV poderá acelerar de 0 a 100 km/h em cerca de 4,5 segundos, um desempenho ao menos animador para dizer o mínimo...

O Audi Q3 hoje em dia é montado no Brasil e mesmo com a chegada da nova geração a estratégia deverá seguir a mesma, o que garante maior competitividade comercial ao SUV por aqui.

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/