Nova informação: picape anti-Toro da Ford pode adotar o nome Maverick

Constatação foi revelada por canal no YouTube; confira novas projeções
Projeção da inédita picape compacta-média da Ford adotando o nome Maverick

Projeção da inédita picape compacta-média da Ford adotando o nome Maverick | Imagem: Kleber Silva

Não é fácil apurarmos os segredos guardados a sete chaves pelas montadoras, tarefa que exige um acompanhamento constante das notícias ao redor do mundo, conversas com fontes, entre outros trabalhos de apuração. Recentemente aqui no Autoo repercutimos algumas informações vindas dos EUA que davam conta de que a picape compacta-média da Ford resgataria o nome Courier. Novos dados, contudo, sugerem um outro caminho para o modelo inédito.

Segundo uma imagem enviada para o canal TFLnow, revelando a tampa traseira da picape em desenvolvimento, aparece claramente o nome Maverick estampado na peça. Caso a Ford opte por essa estratégia, será mais um nome consagrado em sua gama que voltará ao mercado. Maverick foi um cupê lançado em 1969 nos EUA e também produzido no Brasil entre os anos de 1973 e 1979.

Com um porte semelhante ao da Fiat Toro, a Ford Maverick será posicionada abaixo da Ranger. Nos EUA, a previsão é que o preço da novidade seja inferior aos US$ 20.000, flertando como uma opção para consumidores de hatches e sedans menores que desejam um carro mais versátil. Assim como o modelo da Fiat, a picape compacta-média em desenvolvimento pela Ford contará com carroceria monobloco.

Apenas para citar, hoje em dia os preços da Toro gravitam entre R$ 96.990 na versão Endurance 1.8 flex manual até R$ 167.990 na configuração Ultra 2.0 turbodiesel com tração integral. Considerando apenas as opções cabine dupla, hoje a Ford Ranger tem preços entre R$ 137.790 (XL 2.2 diesel 4x4 manual) e R$ 199.990 (Limited 3.2 diesel 4x4 automática). 

Tomando como base novas informações que indicam que a Ford Maverick/Courier (enquanto não temos algo mais concreto vamos considerar as duas possibilidades para a designação da picape) terá visual semelhante ao do novo Bronco Sport, o designer Kleber Silva projetou sua interpretação para o que podemos esperar do futuro modelo.

Não só o visual será inspirado pelo Bronco Sport, como a futura picape será produzida no México ao lado do SUV, algo que aproxima a Maverick/Courier ainda mais do Brasil. Olhando para o sucesso comercial da Fiat Toro por aqui e tendo um produto na gama, sobrariam motivos para a Ford apostar na novidade também para o nosso mercado.

Informações de bastidores também dão conta que a picape deverá ser equipada com os mesmos motores a gasolina do Bronco Sport, no caso o 1.5 turbo, com potência na casa de 180 cv, e o 2.0 também sobrealimentado e potência gravitando nos 250 cv. Aqui no Brasil, eles poderão aceitar tanto etanol como gasolina. Resta saber se a Ford cogitaria uma alternativa diesel para a picape, motorização que faz sucesso aqui no Brasil dentro da categoria e está presente na Toro. O câmbio da futura picape da Ford, a exemplo do SUV, deverá ser o automático de 8 marchas. Como o Bronco Sport terá tração integral de série, é muito provável que o recurso também chegue à picape, em especial por ser um atributo interessante nesse tipo de carro.

Falar em previsão de estreia para a Ford Maverick/Courier é, no mínimo, uma grande aposta já que toda a programação das montadoras foram afetadas pela pandemia do novo coronavírus. As informações mais recentes, contudo, projetavam o início da produção da picape para o fim de 2020 e começo de 2021. Vamos acompanhar de perto e seguiremos reportando aqui no Autoo!

Projeção da inédita picape compacta-média da Ford adotando o nome Maverick
Projeção da inédita picape compacta-média da Ford adotando o nome Maverick
Imagem: Kleber Silva

Assine a newsletter semanal do AUTOO!