Nova versão do Bugatti Veyron tem detalhes em ouro

Série Black Bess homenageia um dos primeiros carros de corrida da tradicional marca

Bugatti Veyron Black Bass | Imagem: Bugatti

Entre 1912 e 1914 a Bugatti fabricou três carros de corrida que chamaram atenção nas competições da época. Era o Type 18, um bólido primitivo com motor 5.0 litros de 100 cv que ficou conhecido como “Black Bess”. Passados 100 anos, a marca volta ao passado e homenageia esse antigo modelo com uma nova versão especial do Veyron que retoma o “apelido” que consagrou o clássico das pistas.

O principal detalhe da edição é a grade frontal com uma moldura de ouro 24 quilates. Apenas três unidades serão fabricadas e cada uma vai custar € 2,15 milhões, cerca de R$ 6,56 milhões.

O Veyron Black Bess é baseado na versão Grand Sport, que tem motor 8.0 16 cilindros com potência elevada para 1.184 cv e torque máximo de 152 kgfm. Nessa configuração, o supercarro da Bugatti vai do 0 aos 100 km/h em 2,6 segundos e pode alcançar a velocidade máxima de 406 km/h – é atualmente o segundo carro mais rápido do mundo.

A edição especial será apresentada ao público durante o Salão de Pequim, que recebe o público no próximo dia 20 de abril. Na ocasião, o Veyron Black Bess será exposto ao lado do único Type 18 original que existe no mundo.

Bugatti Type 18
Divulgação

A nova série especial do Veyron homenageia o Type 18, fabricado entre 1912 e 1914

Assine a newsletter semanal do AUTOO!