Novo Fiat 500 não tem prazo para chegar ao Brasil

Nova linha do 500 é destaque da Fiat no Salão de Frankfurt, mas versão vendida aqui não será alterada por enquanto

Fiat 500 reestilizado no Salão de Frankfurt | Imagem: iG

A linha 2016 do 500, que estreia as primeiras grandes mudanças da atual geração do carrinho, é atração da Fiat no Salão de Frankfurt, que vai até este domingo (27). O hatch subcompacto ganhou aprimoramentos no visual e no interior. De acordo com a montadora italiana, foram cerca de 1,8 mil mudanças.

No design, o Fiat 500 2016 ganhou faróis com novo layout interno e formato levemente estilizado, “bigodinho” cromado com novo formato, para-choques redesenhados, novos detalhes cromados e lanternas traseiras com desenho “vazado” e iluminação por LED.

Por dentro, há o sistema de entretenimento Uconnect no centro do painel, que oferece tela de cinco polegadas sensível ao toque, navegador GPS e interfaces Apple CarPlay e Android Auto. Há ainda um novo volante, painel de instrumentos com tela TFT de 7 polegadas e novos materiais de acabamento.

Entre os motores, há um 1.2 litro de 69 cv e 0.9 TwinAir de 85 ou 105 cv, além do 1.3 MultiJet II a diesel de 95 cv. O câmbio automatizado Dualogic agora oferece melhor funcionamento. A suspensão e o isolamento acústico da cabine também passaram por melhorias.

Sem previsão de chegada ao Brasil

Apesar da mudança ocorrer oito anos após seu lançamento, o Fiat 500 não deve mudar na versão fabricada no México e que é importada de lá para o Brasil. Por conta disso, o hatch renovado deve demorar para ser lançado por aqui, já que, de acordo com fontes ligadas à montadora italiana, a mudança é mais importante para os mercados da Europa, afinal o modelo é oferecido há muito mais tempo por lá.

Logo, o atual 500 deve continuar sendo oferecido no País por pelo menos mais dois anos sem grandes mudanças. Hoje o Fiat é oferecido com preços entre R$ 56,9 mil e R$ 94 mil e tem vendido menos do que na época do lançamento. 

Recomendados por AUTOO

Youtube
RAM Rampage Laramie a diesel

RAM Rampage Laramie a diesel

Será que ainda é vantajoso ter picape com motor turbodiesel?
Aviação
Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Mas nega que isso possa atrapalhar operação dos novos Gripen suecos
MOTOO
A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

Lista reúne as 10 motos mais baratas do Brasil em maio de 2024. Descubra as opções