Quem é a picape misteriosa que o dono da Amazon usa nos lançamentos da sua nave espacial

Jeff Bezos faz propaganda da Rivian, startup que venderá a primeira picape totalmente elétrica dos EUA em 2022
A picape R1T, da Rivian, leva os astronautas da Blue Origin

A picape R1T, da Rivian, leva os astronautas da Blue Origin | Imagem: Reprodução

Nesta quarta-feira (13), um feito cheio de significados foi atingido no deserto do Texas, nos EUA. Ao lançar a cápsula ‘New Shepard’ aos limiares do espaço, a Blue Origin, companhia fundada pelo magnata Jeff Bezos (mais conhecido por ser dono da Amazon) levou a bordo o ator canadense William Shatner, mais conhecido por interpretar o papel do capitão James T. Kirk, na série original Star Trek.

Shatner não só personificou o sonho de milhões de pessoas que são fãs da franquia, mas também transformou-se no ser humano mais velho a ultrapassar a linha Kármán, considerada por boa parte da comunidade científica como a “borda” que separa nossa atmosfera do espaço.

Ver o veterano ator seguir até a plataforma de lançamento deve ter emocionado muita gente como este jornalista, mas outro aspecto chamou a atenção, um veículo misterioso que apareceu na transmissão do evento como meio de transporte usado pela Blue Origin. Trata-se da picape R1T, da startup Rivian.

Bezos tem feito um belo trabalho de marketing para a marca ao aparecer dirigindo não só a picape como o SUV R1S e não é uma coincidência. O dono da Amazon é um dos investidores no projeto, iniciado por Robert Scaringe em 2009.

Rivian R1T 2022
Rivian R1T 2022
Imagem: Divulgação

Enquanto o rival Elon Musk exibe os veículos da Tesla durante os lançamentos da mais capaz espaçonave Space Dragon nas instalações da Nasa em Cabo Canaveral, Jeff Bezos não fica atrás: a R1T e o R1S são veículos 100% elétricos também.

Mas se Musk está bem à frente em seu programa espacial, ao menos em matéria de picape elétrica ele ainda perde para a Rivian. A estranha Cybertruck ainda não tem data certa de início de produção, previsto para algum ponto de 2022. Já a R1T deve começar a ser entregue em janeiro do ano que vem.

Veja galeria de fotos da picape Rivian R1T

Com isso a Rivian será a primeira fabricante dos EUA a colocar uma picape 100% elétrica à venda, superando as gigantes GM, Stellantis e Ford.

Aliás, a Ford também investiu na Rivian e possuía um assento no conselho de administração da empresa até dias atrás. O representante da montadora saiu de cena já que a startup está perto de lançar suas ações na bolsa de Nova York.

O painel do SUV Rivian R1S
O painel do SUV Rivian R1S
Imagem: Divulgação

Plataforma de ‘skate’

Se é silenciosa ao rodar, a R1T promete fazer barulho no mercado. O modelo é maior do que uma Fiat Toro, com 5,5 metros de comprimento, 2,1 metros de largura, 2 metros de altura e entreeixos de 3,45 m. Trata-se de um veículo bem ao gosto do público norte-americano, com boa capacidade de carga, versatilidade e conforto para viagens de lazer.

Só o preço é que assusta: são US$ 67,5 mil pela versão de entrada (cerca de R$ 372 mil), com autonomia de 400 km. Nisso, a Cybertruck sobra já que a versão com apenas um motor parte de US$ 40 mil.

A sacada da Rivian é ter desenvolvido uma plataforma padrão batizada por ela de “skateboard”. Explica-se: a montadora concentrou todos os principais componentes como motores, baterias e transmissão numa ‘prancha’ pouco abaixo do eixo das rodas.

Com isso, é possível utilizar a base para vários tipos de carrocerias como uma van de entregas, da qual a Amazon já encomendou 100 mil unidades e começou a ser testada meses atrás. Em breve, portanto, a Rivian não vai ser apenas uma curiosidade secundária durante os lançamentos da Blue Origin.

A van de entregas elétrica da Amazon, baseada na plataforma da Rivian
A van de entregas elétrica da Amazon, baseada na plataforma da Rivian
Imagem: Divulgação