Relembre os melhores e os piores carros no quesito segurança avaliados em 2022

Latin NCAP avaliou mais de 10 modelos neste ano seguindo protocolos mais rígidos
Avaliado em setembro deste ano, VW Nivus alcançou nota máxima em segurança

Avaliado em setembro deste ano, VW Nivus alcançou nota máxima em segurança | Imagem: Divulgação/Latin NCAP

Quesito de extrema importância na hora de escolher um carro novo, a segurança oferecida por determinado automóvel é algo primordial que deve ser sempre levado em conta pelos consumidores. 

Neste ano, o Latin NCAP avaliou 13 modelos comercializados na América Latina, sendo que alguns deles não são oferecidos no mercado brasileiro. 

Vale ressaltar que, desde 2020, o órgão adotou padrões mais rígidos em suas avaliações, bem como passou a considerar a presença de alguns assistentes de condução para que os modelos testados alcancem as notas máximas nos procedimentos. 

Em 2022, o Chevrolet Tracker, o Mitsubishi Outlander, o Toyota Corolla e os Volkswagen Virtus (com 6 airbags) e Nivus alcançaram a nota máxima nas avaliações do Latin NCAP. 

Chevrolet Tracker durante avaliação do Latin NCAP
Chevrolet Tracker durante avaliação do Latin NCAP
Imagem: Divulgação

Na outra ponta, a Fiat Strada (também comercializada como Ram 700 em alguns países) registrou somente 1 estrela. 

O Hyundai Tucson, o Kia Sportage e o Volkswagen Polo (com 4 airbags) alcançaram 3 das 5 estrelas possíveis. 

Contudo, o resultado mais preocupante registrado em 2022 pelo Latin NCAP foi conhecido recentemente

O JAC E-JS1, primeiro automóvel 100% elétrico avaliado pelo Programa de Avaliação de Carros Novos para América Latina e o Caribe, acabou completamente reprovado nas avaliações, finalizando os testes com nenhuma estrela. 

De acordo com o Latin NCAP, o elétrico “mostrou estrutura instável e área instável para os pés no impacto frontal com baixa proteção para o peito do motorista, levando a zero ponto no impacto frontal para a segurança dos adultos. No impacto lateral, a proteção dos adultos foi baixa, com o tórax e a pélvis mostrando proteção fraca”. 

Além disso, o hatch “não cortou sua energia elétrica após o teste frontal como deveria ter acontecido se o corte de emergência estivesse presente e funcionando corretamente. Também no impacto lateral, o sistema de corte indicou que foi ativado, mas o carro ainda estava em movimento, de modo que a bateria ainda estava conectada e funcionando”.  

Até o momento a JAC Motors Brasil não se manifestou sobre o assunto. 

JAC E-JS1 é completamente reprovado em teste do Latin NCAP
JAC E-JS1 foi completamente reprovado nos testes do Latin NCAP
Imagem: Divulgação

Recomendados por AUTOO

Youtube
Nova Chevrolet Spin 2025

Nova Chevrolet Spin 2025

Minivan renovada quer fazer frente aos quase SUVs do mercado
Aviação
Argentina terá caças F-16

Argentina terá caças F-16

Jato supersônico é rival do Saab Gripen, da Força Aérea Brasileira. Veja quantos aviões nossos vizinhos compraram
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!