Renault já produz novo Clio na Argentina

Modelo que será vendido no Brasil manterá a mesma plataforma lançada na década de 1990 e pode adotar sobrenome Live

Projeção do Renault Clio Live | Imagem: Autosblog.com.ar

A Renault começou a produzir as primeiras unidades pré-série do Clio reestilizado em sua fábrica na Argentina. Diferentemente do seu homônimo vendido na Europa, no mercado latino-americano ele continuará sendo o carro de entrada na gama da marca francesa.

A filial argentina da montadora anunciou, inclusive, que investirá 400 milhões de pesos (aproximadamente R$ 180 milhões) para a ampliação e modernização da sua unidade em Córdoba para produzir o modelo. Segundo o site Cadena 3, o modelo deve adotar o sobrenome Live, pelo menos naquele mercado.

Leia mais: Renault revela nova geração do Clio para a Europa

As alterações do modelo estarão concentradas principalmente na parte dianteira da carroceria, para alinhá-lo à nova identidade da marca. O interior também deve receber alguma atenção, já que permanece intocado há mais de uma década.

Além disso, o conjunto motor e câmbio deve permanecer inalterado. A apresentação do novo Renault Clio Live deve ocorrer ainda em 2012 na Argentina.

Enquanto isso...

Mesmo em crise e com baixa nas vendas, a matriz lançou a quarta geração do hatch na Europa. Maior e mais requintado, o carro chegou colocando medo na concorrência. A dúvida é: a Citroën vai lançar o novo C3 em alguns dias e a Peugeot vai trazer o 208 para o Brasil... e a Renault?

Recomendados por AUTOO

Youtube
Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Modelo ganhou novo visual e alguns equipamentos interessantes. Assista
Aviação
Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Embraer KC-390 da FAB pode ser convertido para avião bombeiro. Veja como funciona
MOTOO
Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Uma das maiores montadoras do mundo, a gigante indiana construiu fábrica própria em Manaus para produção de motocicletas