A Volkswagen iniciou as vendas do seu SUV compacto, o T-Cross, para o público PcD. O benefício é poder adquirir o carro com isenção do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), além de 10% de desconto para pessoa com deficiência (PcD), um bônus que a marca oferece para atrair clientes para o modelo. Esse porcentual do bônus quase se equivale ao desconto da alíquota do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), o que faz do T-Cross uma opção interessante para quem vai realizar a compra com isenção. 

O T-Cross traz duas opções de motorização: 1.0 TSI de 128 cv, que pode ser casado com câmbio manual ou automático de seis velocidades, e 1.4 TSI de 150 cv, oferecida unicamente com transmissão automática. A unidade de entrada, 200 TSI, tem motor de 1.0 e câmbio manual. Já a intermediária Comfortline sai de fábrica com motor 1.0 TSI e câmbio automático, mudando apenas o motor 1.4 para a unidade top de linha Highline.

Versões

A versão mais em conta, 200 TSI manual, já conta com ar-condicionado, vidros, travas e retrovisores elétricos, direção elétrica, rodas de liga leve 16", rack de teto, aribags frontais, laterais e de cortina, controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampa e sensor de estacionamento traseiro. O 200 TSI manual custa R$ 84.990 para o público em geral, mas sairá por R$ 71.570,90 para os clientes que realizam a compra com isenção. O T-Cross 200 TSI automático, por sua sua vez, tem preço sugerido de R$ 94.490, mas, para o público PcD, custará R$ 79.570,94. 

Já a intermediária Comfortline 1.0 TSI automática, que acrescenta cruise control, central multimídia Composition Touch de 6,5" com capacidade para espelhar celular com sistema Android ou iOS, ar-condicionado digital, frenagem automática pós-colisão, sensor de estacionamento dianteiro, banco do motorista com regulagem lombar, câmera de ré, rodas de 17" e volante revestido de couro com aletas para trocas de marcha, tem o preço sugerido para os clientes PcD de R$ 84.202,54, uma boa redução em relação aos R$ 99.990 da versão com preço "cheio" para o público em geral. 

Já a topo de linha Highline acrescenta iluminação interna de LED, start/stop, bancos de couro e detector de fadiga do motorista. Essa versão custa R$ 88.764,64 para a compra com isenção, sendo que o preço sem descontos é de R$ 109.990. 

Confira abaixo o consumo de cada versão:

T-Cross 200 TSI Manual – 7,9 km/l (E) e 11,2 km/l (G) na cidade; 9,5 km/l (E) e 13,4 km/l (G) na estrada;
T-Cross 200 TSI Automático – 7,6 km/l (E) e 11,0 km/l (G) na cidade; 9,5 km/l (E) e 13,5 km/l (G) na estrada;
T-Cross 250 TSI Automático – 7,7 km/l (E) e 11,0 km/l (G) na cidade; 9,3 km/l (E) e 13,2 km/l (G) na estrada 

 

 

Volkswagen T-Cross 2020
Volkswagen T-Cross 2020
Imagem: Divulgação

 

 

 

Vinicius Montoia

Formado pela PUC-SP em jornalismo, Vinicius já atua no setor automobilístico desde 2013. É criador do canal Narração Esportiva do Youtube, projeto que conta a história dos maiores narradores esportivos do país

Vinicius Montoia | https://www.youtube.com/channel/UC2lKRtZdmSdMRJZ8Pim78Fw