O sul-africano Gordon Murray é mais conhecido pelo McLaren F1, superesportivo da década de 1990 que já fora o carro em série mais rápido do mundo. Mas a genialidade do designer lhe permitiu também criar o oposto da sua principal obra: o T.25, compacto que pretende ser uma oferta urbana nos próximos anos. E o melhor: Murray está no Brasil avaliando junto a investidores a possibilidade de fabricar o minicarro por aqui.

A Gordon Murray Design revelou hoje mais fotos e informações do T.25. São 2,4 m de comprimento, 1,3 m de largura e 1,6 m de altura, medidas capazes de abrigar três ocupantes no interior do veículo – o motorista no centro e os dois passageiros atrás, nas laterais. De acordo com a empresa, se estacionados perpendicularmente nas ruas, três unidades do T.25 equivalem a uma de um carro médio.

Seu motor construído em alumínio, acoplado a um câmbio semi-automático de trocas seqüenciais e cinco marchas, tem 660 cm³, três cilindros, e gera 51 cv e 5,8 kgfm de torque, que deverão empurrar os 575 kg do carrinho. A fabricante alega que o T.25 faz de 0 a 100 km/h em 16,2 segundos, enquanto a velocidade máxima é limitada em 145 km/h, embora pudesse chegar a 156 km/h. O consumo, ainda segundo a Gordon Murray Design, pode chegar a 26,1 km/l, resultando em uma autonomia de 783 km. Com suspensão independente nas quatro rodas, o T.25 entrega de série ABS, airbags frontais e traseiros e controles de estabilidade e tração.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Rodrigo Mora

|