Alegando que importar ou mesmo adaptar a nova geração do Fiesta tornaria o modelo caro demais por aqui, a Ford escolheu uma saída “alternativa” para manter o modelo como uma opção para quem hoje em dia considera a compra de um Volkswagen Polo ou um Fiat Argo.

Um retoque na dianteira ali, mudanças nas lanternas acolá, a inclusão de uma central multimídia que muita gente colocava como acessório nas lojas... e eis que o New Fiesta fabricado no Brasil entra na linha 2018 com leves mudanças e apostando no custo-benefício para se destacar em um segmento que promete ficar mais concorrido neste ano com a chegada de representantes como o Toyota Yaris.

O New Fiesta é um modelo que sempre contou com várias virtudes, como a ótima posição de dirigir, a ergonomia correta de sua cabine e o comportamento dinâmico bem acertado. Com isso, o hatch sempre apelou muito mais para a parte emocional de seus compradores do que para a razão, prova disso é o cuidado com o design em detrimento de um espaço interno não muito bom sobretudo para quem se acomoda no banco traseiro.

É inegável que a péssima fama da transmissão de dupla embreagem Powershift abalou não só as vendas do Fiesta por aqui como também das linhas EcoSport e Focus. No SUV compacto, a Ford tratou logo de substituir o câmbio por um novo, dessa vez automático convencional e mais robusto. Na gama Fiesta 2018, porém, a transmissão de dupla embreagem continua no modelo. A Ford alega que já realizou uma série de aprimoramentos para dirimir os defeitos que a transmissão PowerShift apresentava. O tempo – e os clientes – vão nos dizer em breve se isso realmente ocorreu.

Fato é que cada vez mais os brasileiros procuram se livrar do pedal da embreagem em seus próximos carros, e as montadoras estão se adaptando a essa realidade nos diversos segmentos de mercado nos quais atuam.

No caso do Fiesta, suas opções automáticas com motorização 1.6 16V ficaram com valores bem competitivos, sobretudo a SE Plus. Tabelada em R$ 62.390, além do câmbio automático de 6 marchas ela sai de fábrica com os controles de tração e estabilidade, a central multimídia Sync 3, além de trio elétrico, direção com assistência elétrica, ar-condicionado, sensor de estacionamento, alarme, computador de bordo, dentre outros. Se você quiser colocar as rodas de liga leve aro 15” e o ar-condicionado automático digital, existe como opção a versão SEL automática, como a avaliada pelo Autoo, que está nas concessionárias por R$ 65.390.

Olhando para o mercado, o Volkswagen Polo na versão Comfortline de R$ 65.190 ainda é um negócio mais interessante, sobretudo pelo conjunto mecânico composto pelo eficiente motor 1.0 TSI e o câmbio automático de 6 marchas. Porém, levando em consideração que um Fiat Argo Precision automático hoje parte R$ 68.290 (existe a opção Drive 1.3 GSR de R$ 59.990, mas não recomendamos por contar com câmbio automatizado), o Fiesta SE Plus até que encontra uma brecha interessante no mercado.

Entre os hatches compactos com motorização 1.6 16V, o Hyundai HB20 conta com a versão Comfort Plus automática tabelada em R$ 58.200, mas ele fica devendo os importnatíssimos controles de tração e estabilidade bem como a central multimídia nessa configuração.

Fato é que o New Fiesta é o típico modelo que fisga muita gente na hora que você se acomoda no banco do motorista e começa a dirigir o modelo. Com seu painel envolvente, o volante com ajustes de altura e profundidade e bancos com um formato bem concebido para acomodar com firmeza o corpo dos passageiros, o Ford agrada muito ao rodar.

A suspensão, que recebeu melhorias discretas na linha 2018 como a adoção de um novo amortecedor, e a direção seguem trazendo uma calibração excelente. Precisa na condução e suave na hora de manobrar, a direção elétrica do Ford merece elogios. O mesmo ainda podemos dizer do motor Sigma 1.6 16V flex.

Com números na média do segmento, no caso 128 cv de potência e 16 kgfm de torque, o Fiesta entrega está longe de ser um carro lento e as respostas mantém um vigor interessante. Ele precisa de 12 segundos para alcançar os 100 km/h, o que o deixa atrás de um Polo 1.0 TSI em termos de desempenho, mas as médias de consumo na casa de 11,2 km/l na cidade e 14,9 km/l na estrada com gasolina deixam claro que o Fiesta 2018 ainda tem fôlego dentro do segmento.

O acabamento do Fiesta 2018 segue muito bem executado e trazendo uma boa escolha de materiais, com um toque mais refinado. Isso é importante dentro do segmento e não é o que notamos mesmo em modelos mais recentes como é o caso do novo Polo. Alguns problemas “crônicos” do Fiesta brasileiro, como a pouca sensação de espaço interno, é algo que só um salto de geração poderá resolver. Investimento que, a princípio, a Ford não parece muito interessada em fazer por aqui.

Bem distante do topo do ranking em vendas da categoria, o Fiesta foi a escolha de 19.058 brasileiros em 2017. Se com isso ele não se aproxima sequer de modelos como o Renault Sandero e o Volkswagen Gol, ao menos o Fiesta ainda fica na frente de concorrentes como o Nissan March, Peugeot 208 e Citroën C3.

Mas vale a pena comprar um Fiesta hoje em dia? O Fiesta ainda é um modelo que entrega alguns atributos subjetivos que poucos hatches na mesma classe conseguem entregar. A grande questão é que o segmento vai passar por uma boa atualização sobretudo neste ano, o que tornará a vida de alguns veteranos, como é o caso do Fiesta, mais desafiadora.

Se você o seu orçamento permite chegar até os R$ 65.000, talvez seja uma melhor negócio partir para o Volkswagen Polo ou até mesmo aguardar o Toyota Yaris, que chega ao mercado no segundo semestre deste ano. Se você conseguir uma boa negociação no Fiesta SE Plus automático e conseguir trazê-lo mais para perto de R$ 60.000, aí sim nesse caso é uma compra que vale a pena ser feita.

 
 
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
Ford Fiesta 2018
Ford Fiesta 2018
 
 

Ficha técnica

Ford Fiesta 2018 SE Plus 1.6 16V flex automático 4p
Preço R$ 62.390 (11/2017)
Categoria Hatch compacto
Vendas em 2017 19.058 unidades
Motor 4 cilindros, 1597 cm³
Potência 125 cv a 6500 rpm (gasolina)
Torque 15,4 kgfm a 4250 rpm
Dimensões Comprimento 3,969 m, largura 1,72 m, altura 1,464 m, entreeixos 2,489 m
Peso em ordem de marcha 1105 kg
Tanque de combustível 51 litros
Porta-malas 281 litros
Veja ficha completa

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo |