Vendas de usados crescem mais que as de carros 0 km em agosto

Enquanto o emplacamento de veículos novos subiu 6,1% no mês passado, comercialização de usados foi ainda melhor
Loja

Loja | Imagem: Reprodução internet

A venda de carros 0 km vem se recuperando das consequências da pandemia da Covid-19, sendo que o mês de agosto já viu o emplacamento de veículos novos crescer 6,1% na comparação com julho de 2020. No entanto, em um cenário de dificuldades financeiras e desemprego em alta, a demanda por carros usados está aquecida.

Levantamento realizado pela Fenauto (Federação Nacional das Associações de Revendedores de Veículos Automotores) mostrou que, em agosto, os lojistas associados comercializaram 10,9% mais automóveis seminovos e usados do que em julho. No mês passado, 1.264.408 unidades foram revendidas, contra 1.143.726 em julho.

A Fenauto aponta ainda que essa sequência de resultados positivos é animadora, pois mostra que o setor teria recuperado o desempenho que vinha apresentando no começo de 2020, antes da pandemia. Embora o resultado acumulado neste ano ainda esteja negativo em 26,8% na comparação com 2019, a entidade já computou 20 estados com resultados melhores que os do mês de julho e 17 estados acima dos números obtidos em agosto do ano passado. 

Como a maior parte dos estados está com resultado superior a 2019, a Fenauto acredita que o ano de 2020 se encerrará positivamente. Em agosto, os seminovos, automóveis com até 3 anos de uso, foram os que mais se destacaram, com um aumento de 11,8% nas vendas na comparação com julho. Durante agosto, os veículos usados mais vendidos pelas associadas da Fenauto foram o Volkswagen Gol e o Fiat Uno, com 74.530 e 42.710 unidades, respectivamente.

Loja de carros
Loja de carros
Imagem: Reprodução internet