VW entrega o Golf elétrico número 100.000

Lançada em 2014, versão totalmente elétrica do hatch da Volkswagen chega a marco histórico de vendas
A Volks entregou o 100.000º Golf elétrico para um cliente de Hannover

A Volks entregou o 100.000º Golf elétrico para um cliente de Hannover | Imagem: Divulgação

A Volkswagen anunciou que fez a entrega do Golf elétrico de número 100.000 na Alemanha. A opção com propulsão 100% elétrica do hatch da Volkswagen começou a ser oferecida em 2014. Unidade histórica foi entregue ao proprietário na fábrica Gläserne Manufaktur, em Dresden, para um comprador alemão morador de Hanover.

Na mesma unidade produtiva, a partir do segundo semestre de 2020, será fabricado o VW ID.3, um dos primeiros carros da marca a utilizar em série a arquitetura Modular Electric Drive Kit (MEB), pensada para ser usada de base para toda a nova família de veículos elétricos da Volkswagen nos próximos anos.

Com a produção iniciada em 2014, o e-Golf começou sendo feito apenas na fábrica de Wolfsburg, mas a alta demanda pela variante elétrica do hatch da Volkswagen abriu caminho que para que a fabricação fosse feita também em Dresden, que deverá ser responsável pela produção de cerca de 16.000 unidades do VW e-Golf em 2019.

Falando em números, no acumulado entre janeiro e outubro de 2019, a Volkswagen já comercializou cerca de 27.900 unidades do Golf elétrico, sendo que, no ano de 2018 inteiro, foram vendidos 24.800 carros nessa configuração. Segundo a marca, os principais mercados atualmente para o e-Golf são Noruega, Alemanha, EUA, Reino Unido e Holanda.

O VW e-Golf ainda é produzido na plataforma da sétima geração do hatch, mas conta com um motor elétrico capaz de entregar 136 cv de potência, ao mesmo tempo em que sua autonomia declarada é de 230 km.

Por aqui, apenas o híbrido

No Brasil, a Volkswagen apresentou recentemente a versão híbrida do Golf de sétima geração, conhecida como GTE, combinando um motor 1.4 turbo de 150 cv a um elétrico, montado na caixa de transmissão automatizada de dupla embreagem, com 102 cv. A potência total declarada pela marca é de 204 cv com 35,7 kgfm de torque.

O conjunto é capaz de acelerar o Golf GTE de 0 a 100 km/h em 7,6 segundos, com velocidade máxima declarada de 222 km/h. A grande vantagem do GTE sobre outros híbridos, além da performance, é que ele tem 50 km de autonomia puramente elétrica, podendo atingir até 130 km/h sem acionar o motor a combustão. Seu preço é de R$ 199.990.

Volkswagen Golf GTE
Volkswagen Golf GTE
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!