Agora SUV, Ford Fusion pode ficar assim

Mudança total na proposta do carro já foi flagrada em testes. Projeção antecipa visual com carroceria de utilitário esportivo
Projeção do Fusion Evos com base em flagras recentes

Projeção do Fusion Evos com base em flagras recentes | Imagem: Kleber Silva

Enquanto o Ford Fusion como o conhecemos saiu de linha em 2020, tudo indica que a marca dará continuidade a seu nome, porém com uma proposta completamente reformulada. O modelo já foi flagrado em testes e a novidade deverá ser apresentada em breve com uma carroceria de utilitário esportivo.

O designer Kleber Silva preparou algumas projeções de como a novidade deve ficar em sua versão final, baseado em imagens recentes que vazaram na internet. Em mercados da Europa, o modelo receberá o nome “Mondeo Evos”. Vale ressaltar que, por lá, o Fusion era comercializado sob o nome Mondeo.

O resultado é um visual que se aproxima bem mais do que é visto no elétrico Mustang Mach-E do que nos SUVs tradicionais com linhas robustas. Esse futuro Fusion/Mondeo Evos traz linhas mais arrojadas e arredondadas. Na dianteira, ao contrário do modelo elétrico do SUV, aparece uma grade hexagonal similar a de outros produtos da marca, como o Edge. 

O novo Fusion, tratado internamente pela Ford como o projeto CD542, pode trazer como plataforma a mesma arquitetura C2 aplicada em modelos atuais da marca como o Bronco Sport e o Kuga/Escape. A novidade deverá ter opções de tração integral ou dianteira, assim como conjuntos propulsores híbridos ou térmicos. 

Os faróis são bem afilados e devem usar lâmpadas de LED. Há também pequenas luzes auxiliares logo abaixo. Por último o logo “Evos” aparece no capô. A silhueta lateral aparenta as linhas de um cupê, algo que está na moda no continente europeu para SUVs, bem como o caráter mais esportivo pode ser realçado com rodas de liga leve alcançando aro 20" dependendo da versão.  

De acordo com as imagens vazadas recentemente, o Fusion/Mondeo Evos também deverá fazer uso de uma grande tela na parte interna, percorrendo praticamente toda a largura do painel, fazendo as vezes de painel de instrumentos e central multimídia.  

Apesar de ter registrado uma boa procura aqui no Brasil, figurando até como opção à modelos mais tradicionais como Mercedes-Benz Classe C e BMW Série 3, as vendas do Mondeo na Europa despencaram nos últimos anos, um dos motivos pelos quais a Ford resolveu reinterpretar o modelo como um crossover. Em 2019, as vendas do Mondeo no continente europeu passaram por uma redução de 20,2% sobre o volume total registrado em 2018. No ano passado, que ainda contou com o agravante da Covid-19, os emplacamentos do modelo foram 48% menores entre os meses de janeiro e novembro em relação ao ano anterior. Aqui no Brasil, o Fusion deixou de ser comercializado em 2020 devido à queda nas vendas e o fim da produção no México. 

A previsão é que a nova geração do Fusion, agora rebatizado como Fusion Evos, seja revelada ao longo de 2022 e, quem sabe, ele poderia retornar ao Brasil a partir de 2023. Vamos acompanhar. 

Projeção do Fusion Evos com base em flagras recentes
Projeção do Fusion Evos com base em flagras recentes: perfil esportivo e até rodas aro 20" dependendo da versão
Imagem: Kleber Silva
Assine a newsletter semanal do AUTOO!