Primeiro estúdio de design da Volkswagen fora da Alemanha e atualmente um dos quatro mais importantes da marca, a unidade brasileira ganha sua primeira ampliação. Funcionando desde 1966 por aqui – inicialmente instalado no Ipiranga –, o espaço abrigado na fábrica de São Bernardo do Campo (SP) tem agora 2.360 m² de área, onde trabalham 70 profissionais (45 atuando no Brasil e 25 na sede da Volkswagen, em Wolfsburg, Alemanha).

Luiz Alberto Veiga, gerente executivo de Design, explica que a ampliação não está diretamente ligada à capacidade, mas sim à sofisticação e rapidez do trabalho, já que há novos softwares, computadores e pontos de medição. Ainda de acordo com o designer, cada modelo deve ser apresentado em três opções externas e outras três internas. No caso da família Gol, são mais três versões para a Saveiro e três para o Voyage. Portanto, a apresentação do compacto envolveu o desenvolvimento de 12 modelos diferentes (nove externos e três internos). Todo e qualquer trabalho do estúdio brasileiro deve passar pela aprovação da matriz. Segundo Veiga, atualmente a equipe de design trabalha na família de um novo (ainda não revelado) modelo.

Fases

Basicamente, a concepção do design de um carro passa por algumas fases. A primeira é a definição do conceito do futuro automóvel – a quem ele servirá, sua proposta, a mensagem a ser transmitida, etc. Em seguida vem o sketch, que nada mais é do que o rascunho do carro, seu primeiro “caráter”. A partir disso, é possível simular um objeto tridimensional (hoje amplamente realizado por meio de tablets), e daí então posicionar os ocupantes dentro do carro e definir suas medidas, ao que se chama de package. Três opções em escala 1:3 darão origem, finalmente, ao modelo original, ainda em clay, uma espécie de argila.

Do virtual ao real, são aproximadamente dois anos, período necessário para adaptar a linha de produção, modelar suas peças, formar a rede de fornecedores, testar inúmeras condições de uso, etc.

Um dos principais modelos a sair das pranchetas do estúdio brasileiro foi o Gol, em 1980. Fox, Brasília e o esportivo SP1 também são crias brasileiras.

Rodrigo Mora

|

Veja mais notícias da marca