Carros modernos são alvos dos hackers

Veículos com avançados controles eletrônicos e conectados à internet não têm proteção

Hackers podem invadir sistemas eletrônicos dos carros mais modernos | Imagem: Audi

No futuro os carros vão precisar de programas antivírus. Veículos modernos possuem uma série de controles eletrônicos (ECUs), que operam sistemas de entretenimento, motorização, transmissão e equipamentos de segurança. Ao ser conectado à internet, esses veículos passam a correr sérios riscos, uma vez que eles não contam com nenhuma proteção contra invasão de hackers.

Quem ligou o alerta foi Sachin Lawande, presidente da Harman, empresa que desenvolve ECUs para diversas montadoras. “Um ataque cibernético pode assumir o controle de funções críticas do carro”, avisou o executivo ao site inglês Auto Express, durante a feira de tecnologia CES 2014, nos Estados Unidos.

Segundo Lawande, os ataques vão acontecer pelo sistema de conectividade, que tem acesso a todas as outras unidades de controle do veículo sem nenhuma barreira física ou eletrônica entre elas. “A infra-estrutura de muitos carros não foi desenhada com a internet em mente”, contou o executivo a fonte.

Veja mais: Google anuncia Android para carros

Sistemas de proteção já estão sendo criados, mas eles não serão capazes de frear a ação dos hackers. Por outro lado, esses sistemas prometem assegurar que ECUs de sistemas de motorização e segurança serão totalmente à prova de invasões cibernéticas. A própria Harman prepara uma solução que será introduzida aos carros entre 2016 e 2017.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!