Pressionada pelo aumento do valor dos fretes internacionais, a Chery reajustou os preços de Tiggo e Cielo no Brasil. O SUV ficou 4% mais caro, saltando de R$ 49 900 para R$ 51 900. Já o outro modelo, oferecido nas carrocerias hatch e sedã pelo mesmo preço, subiu de R$ 41 900 para R$ 42 900.

Equipado com motor 2.0 16V de 135 cv, o utilitário esportivo chinês chegou ao mercado nacional em agosto do ano passado, pretendendo ser uma alternativa ao Ford EcoSport. Já o Cielo desembarcou por aqui há quase um mês, com motor 1.6 16V de 119 cv, buscando entrar na briga de compactos premium oferecendo mais por menos.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Rodrigo Mora

|