Com jeitão de cupê, novo Civic Hatch estreia nos EUA

Modelo revelou ter um estilo mais atraente que sedã sob certos ângulos. Versão 'voltada para jovens', segundo a Honda, oferece opção de câmbio manual
Honda Civic Hatch 2022

Honda Civic Hatch 2022 | Imagem: Divulgação

A Honda apresentou nesta quarta-feira, 23, nos EUA, o novo Civic Hatchback 2022. A versão compartilha a mesma base da 11ª geração do Civic sedã, mostrado ao público em abril, mas revela ter ângulos mais atraentes que o apagado irmão.

Segundo a montadora, o novo Civic hatch se inspira em cupês europeus, com sua traseira alongada, que também pode ser chamada de ‘notchback’, como no nosso primeiro Passat nacional.

A vantagem dessa configuração é manter praticamente a mesma estrutura, incluindo a distância entreeixos mais longa de sedãs sem que o hatch perca o espírito esportivo – normalmente versões de dois volumes são mais curtas, o que encarece seu custo de produção.

Ainda assim, o Civic hatch é 12 cm mais curto que o sedã (4,55 m contra 4,67 m), mas a Honda não informou a capacidade do porta-malas, embora diga que o acesso está maior do que antes.

A parte mecânica é quase idêntica ao sedã, com opção de motores 2.0 aspirado e 1.5 turbo com 160 cv e 182 cv, respectivamente. É na transmissão, contudo, que o Civic Hatch se diferencia ao oferecer um câmbio manual de seis marchas como opcional ao CVT padrão.

Honda Civic Hatch 2022
Honda Civic Hatch 2022
Imagem: Divulgação

A Honda afirma que o acerto de suspensão (independente nos dois eixos) foi desenvolvido na Europa e adaptado ao gosto dos norte-americanos, insinuando que o carro é mais ágil e ‘no chão’ que o sedã, mas sem exageros.

De resto, praticamente tudo idêntico, como o painel sem muito brilho, o pacote tecnológico, que inclui o sistema Sensing de assistência ativa de direção, mais airbags, central multimídia com Apple CarPlay e Android Auto (e carregamento do celular por indução) e som premium Bose de 12 alto-falantes (exclusivo da versão Touring Sport).

Breve passagem pelo Brasil

Embora o Civic seja um velho conhecido nos EUA, onde é vendido desde a década de 70, a versão hatch só chegou ao mercado norte-americano em 2016 com a 10ª geração do modelo.

Segundo a Honda, ela fez “sucesso”, representando pouco mais de 20% das vendas da família. Ou cerca de 350 mil unidades em cinco anos. É de espantar realmente que um modelo de dois volumes tenha essa aceitação num país em que outros hatches como o Focus fracassaram, mas daí a chamar isso de sucesso...

Veja galeria de imagens do Honda Civic Hatch 2022

O Civic Hatch começará a ser vendido no final do ano e pela primeira vez na história passará a ser produzido nos Estados Unidos, na fábrica da montadora no estado de Indiana.

Vale lembrar que o Civic hatchback chegou a ser vendido no Brasil há quase 30 anos. Em 1992, a Honda passou a importar os primeiros automóveis para o país, na esteira da abertura do mercado, e o modelo médio foi vendido não só como sedã mas também nas versões DX, LSi, Si, e VTi de dois volumes e até mesmo cupê.

Com a boa aceitação, a marca japonesa decidiu construir a fábrica num terreno em Sumaré que já possuía há vários anos. Quando o Civic tornou-se nacional, em 1997, a versão hatch foi deixada de lado, no entanto. Ironia do destino é que tudo indica o tão admirado veículo voltará a ser apenas um produto importado pela marca em breve.

Honda Civic Hatch 1992
Honda Civic Hatch 1992
Imagem: Divulgação