Ficou sem luz em casa? Seu carro elétrico poderá ser a solução

Carregamento bidirecional (V2H), do veículo para casa vai se tornar cada vez mais comum
Ford F-150 Lighting será um dos modelos que poderão fornecer energia elétrica para casa com carregadores bidirecionais

Ford F-150 Lighting será um dos modelos que poderão fornecer energia elétrica para casa com carregadores bidirecionais | Imagem: Divulgação

A forte tempestade que caiu em São Paulo deixou milhões de pessoas sem energia elétrica em suas casas. Mas você sabia que o carro elétrico poderá se transformar em uma usina de força para casos de emergência, sendo capaz de abastecer residências por algumas horas?

Entre os modelos que terão essa tecnologia estão as picapes Chevrolet Silverado EV e a Ford F-150 Lightining 

VEJA TAMBÉM:

Para que o carro se transforme em uma usina de força de emergência para sua casa é preciso que haja uma transferência bidirecional de energia do veículo para o seu ponto de carregamento. Isso inclui instalação de hardware de carregamento de veículo para rede em casa, compatibilidade de veículos e mudanças no mercado de energia. 

Além disso, será necessário o apoio das redes de distribuição de energia. Algumas partes da rede são incapazes de ter uma quantidade significativa de energia sendo descarregada através das conexões ao mesmo tempo, por isso as redes locais precisam garantir que conseguem lidar com isso.

Transformar o carro elétrico em uma fonte de energia para sua casa não é uma questão tão simples e também inclui os custos potenciais de instalação de carregadores V2G compatíveis em casa; impactos no estilo de vida e inconvenientes do atraso no carregamento de veículos elétricos (se o carro estiver alimentando a casa). 

A GM também trabalha para começar a a oferecer carregadores bidirecionais para casa em sua linha de elétricos
A GM também trabalha para começar a a oferecer carregadores bidirecionais para casa em sua linha de elétricos
Imagem: Divulgação

A GM Energy, braço da montadora voltado para energia, anunciou recentemente dois kits Ultium Home para permitir o carregamento V2H entre um carro elétrico e uma casa. Outras fabricanes também  vão oferecer suporte ao carregamento bidirecional.

Além da Ford, com a picape elétrica  F-150 Lightning, a Hyundai fará o mesmo com o  Ioniq 5 e a Kia com o EV6, que chegou a ser mostrado no Brasil, mas com a alta demanda em outros mercados, além de gargalos na produção, acabou ficando sem previsão de chegada ao país.

Outros modelos também terão o recurso de serviremde carregadores para resisdências, como o  o Volvo EX90 e até o Nissan Leaf. A Tesla está um pouco reticente com essa questão do carregamento bidirecional, mas deverá trazer essa tecnologiarovavelmente trará a tecnologia até 2025. 

Siga o AUTOO nas redes: Instagram | LinkedIn | Youtube | Facebook | Twitter

 

Carlos Guimarães

Jornalista há mais de 20 anos, já acelerou várias novidades, mas não dispensa seu clássico no final de semana

Recomendados por AUTOO

Youtube
RAM Rampage Laramie a diesel

RAM Rampage Laramie a diesel

Será que ainda é vantajoso ter picape com motor turbodiesel?
Aviação
Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Mas nega que isso possa atrapalhar operação dos novos Gripen suecos
MOTOO
A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

Lista reúne as 10 motos mais baratas do Brasil em maio de 2024. Descubra as opções