Guia de Compra: VW Gol automático oferece ótimo custo-benefício

Hatch tem motor 1.6 econômico e pode fazer até 13,6 km/l na estrada, diz o Inmetro
VW Gol: boa participação de mercado junto aos jovens argentinos

VW Gol: boa participação de mercado junto aos jovens argentinos | Imagem: Divulgação

Feliz do motorista que consegue reunir várias qualidades em um só veículo por um precinho camarada. Quer uma dica? O Volkswagen Gol tem tudo isso e ainda, dependendo do ano, conta com a garantia de fábrica de três anos.

Estamos falando da “oitava geração” do Gol, ou “G8”, como é conhecida. Na prática, trata-se da mesma carroceria desde quando foi lançada a G5 em 2008, feita sobre a plataforma PQ24 do Polo e Fox

VEJA TAMBÉM:

O G8 trouxe inúmeras mudanças, ainda que esteticamente não tenha obtido grandes avanços estilísticos. A estreia do câmbio automático de seis marchas foi uma delas. O modelo tinha como alvo as duplas Ford Ka, Hyundai HB20 e Chevrolet Onix.

Equipado com o motor 1.6 16V, de 120 cv com etanol e 110 cv com gasolina, este conjunto motriz - emprestado das versões mais caras de Polo/Virtus - trouxe melhorias significativas, principalmente no consumo de combustível. Segundo o programa de etiquetagem veicular do Inmetro, o hatch faz 7,7 km/l na cidade e 9,6 km/l na estrada, com etanol. Já na gasolina, sobe para 11,1 km/l e 13,6 km/l, nessa ordem.

Além dessa opção, o Gol G8 também conta com motor 1.0 de três cilindros e 12 válvulas (84/75 cv) associado ao câmbio manual de cinco marchas. Nessa, segundo o Inmetro, o consumo é de 9,1 km/l na cidade e 10,1 km/l na estrada com etanol e 10,1 km/l na cidade e 13,3 km/l na estrada com gasolina. 

Há também o 1.6 de quatro cilindros, mas com 8 válvulas (104/101 cv) e também com transmissão manual. São 7,8 km/ na cidade e 9,5 km/l na estrada com etanol e 11,1 km/l na cidade e 13,6 km/l na estrada com gasolina (1.6 8V). 

Vendido em versão única, independente da motorização, o Gol 1.6 automático já conta com ar-condicionado, direção hidráulica, vidros dianteiros elétricos e travas elétricas, tudo de série. Já as rodas de liga leve de aro 15, chave canivete, vidros elétricos nas portas traseiras e sensor de estacionamento traseiro são alguns dos itens do pacote Urban. Além disso, era possível pedir à parte: rádio com leitor de CD, SD Card, Bluetooth (Interatividade Media Plus) e central multimídia com conexões Apple CarPlay, Android Auto e espelhamento de celular (Interatividade Discover Media).

Pesquisa leva em consideração o uso de um hatch compacto, como o VW Gol
O VW Gol 1.6 automático vem bem equipado e ainda tem estilo atual, apesar de já ter saído de linha 
Imagem: Divulgação

Como forma de enxugar e concentrar em outros produtos da marca, em 2021, a Volkswagen resolveu tirar de linha as opções com motores 1.6 8V e 1.6 16V. A estratégia dava claros sinais de que o Gol já estava com os dias contados. A partir de 2022, a única opção 1.0 12V ganhou uma série de despedida Last Edition, limitada em 1.000 unidades.

 

PONTOS QUE MERECEM ATENÇÃO

1- Cárter do câmbio automático

Ao olhar por baixo do carro, avalie o cárter do câmbio automático que fica posicionado do lado direito. Constantes raspados ou amassados na peça podem furá-la e ocorrer vazamentos. A dica é instalar protetor de cárter. Só a peça, no mercado paralelo, costuma custar R$ 150, sem o frete e a mão de obra inclusos.

2 -  Recall da polia do motor

Em outubro de 2021, a VW junto ao Procon convocou as unidades fabricadas de 7/4/2021 até 23/7/2021 a irem até uma autorizada para a troca da polia do motor. Segundo a fabricante, pode haver perda de torque nos parafusos da polia do motor, gerando folga ou até mesmo soltura do item. Caso isso ocorra, haverá perda da assistência de direção e desligamento do motor, aumentando o risco de acidentes.

3- Barulhos internos

De acordo com relatos de donos, não é difícil apresentar ruídos na parte interna, mesmo nas unidades mais novas, culpa da ineficiência do isolamento acústico.

Para contornar o problema, a dica é levar o carro em uma oficina especializada em tirar barulhos que vão cobrar entre R$ 180 e 2.400, conforme apuração na oficina Auto Ruído Zero. 

4- Espaço interno

O espaço para quem viaja atrás não é dos melhores, principalmente para pessoas de estatura acima de 1,70 m, em parte ajudado pela altura do carro de 1,46 m e largura de 1,65 m e 2,46 m de entre-eixos. Com 3,89 m de comprimento, o porta-malas também não é dos melhores e comporta apenas 285 litros. Portanto, só compre se for para você usá-lo como ferramenta de trabalho ou se for solteiro. 

5- Suspensão

Bastante robusta, a manutenção do conjunto da suspensão é simples e barata, previsivelmente dentro das propostas de um Gol. Por outro lado, ela é dura e, às vezes, cansativa em viagens mais longas, tornando a vida do motorista um tédio. Há relatos de unidades que, mesmo novas, tiveram de trocar o amortecedor (R$ 285, cada). Outro fato relatado pelos donos são os ruídos no conjunto da suspensão.

MELHORES E PIORES UNIDADES PARA COMPRAR

Se você quer um carro confiável e com bom valor de revenda, não hesite em comprá-lo. De longe, ele é o preferido do brasileiro que procura um carro usado e não quer gastar muito dinheiro com manutenção. Por outro lado, o preço do seguro é caro. Para o perfil de 42 anos, morador de São Paulo e que usa o carro para trabalhar todos os dias, a apólice sai por salgados R$ 2.900, conforme a simulação que fizemos pelo site da Porto Seguro.

Como todos os Gols G8 já vêm completo com ar-condicionado, direção hidráulica, dois dos itens mais exigidos, não há uma variante pior ou melhor para comprar. Nesse caso, o que vai prevalecer será a necessidade de cada um: 1.0 (a partir de R$ 38 mil) ou 1.6 16V automático (R$ 50 mil), recomendados para uso urbano e 1.6 8V (R$ 42 mil), opção indicada para quem viaja constantemente e precisa de mais agilidade nas ultrapassagens.

Siga o AUTOO nas redes: Instagram | LinkedIn | Youtube | Facebook | Twitter

VW Gol: boa participação de mercado junto aos jovens argentinos

VW Gol: boa participação de mercado junto aos jovens argentinos

Pesquisa leva em consideração o uso de um hatch compacto, como o VW Gol

Pesquisa leva em consideração o uso de um hatch compacto, como o VW Gol

Recomendados por AUTOO

Youtube
Honda City hatchback: para  órfãos do Golf e do Cruze

Honda City hatchback: para órfãos do Golf e do Cruze

Modelo é compacto na categoria, mas oferece espaço interno generoso. Veja avaliação
Aviação
5 jatos comerciais que não vendem nada

5 jatos comerciais que não vendem nada

Aviões são modernos e capazes, mas quase nenhuma companhia aérea os encomendou, inclusive um Embraer
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!