Desde que chegou ao mercado brasileiro em 2009 a segunda geração do Kia Cerato vem incomodando os ponteiros do segmento – leia-se Corolla e Civic. No entanto, para se consolidar como “pedra no sapato” da concorrência ainda faltava ao sedã coreano uma transmissão automática mais eficiente, pois a caixa com apenas 4 velocidades ainda não extraía o máximo do bom motor 1.6 16V da série. Com 6 marchas, a história agora é outra.

Oferecido nessa configuração desde novembro de 2010, o Cerato com novo câmbio ganhou mais espaço no mercado e suas vendas subiram, e muito por sinal. Nos quatro primeiros meses deste ano a Kia emplacou mais de 9.000 unidades (contando as versões com câmbio manual) do sedã, contra 14.209 exemplares comercializados em 2010 inteiro.

E o Cerato na nova opção faz jus ao seu sucesso. A transmissão com duas velocidades a mais possui relações mais próximas entre si, o que contribuiu para encher o motor mais rapidamente. A nova caixa também raramente apresenta oscilações de marcha em subidas, como acontecia frequentemente com o modelo anterior. Em outras palavras, o câmbio ficou mais esperto. Não só isso, ele também continua bastante suave nas trocas.

Falando nelas, o motorista ainda pode avançar ou diminuir as marchas por meio das borboletas atrás do volante - embora só funcione com a posição manual. Apesar de interessante, o novo recurso apresenta um certo delay e sugere uma esportividade que não cabe ao motor 1.6 16V com seus 126 cv a 6.300 rpm e 15,6 kgfm de torque disponível somente em (elevados) 4.200 rpm. Além disso, o Cerato é pesado para um carro com um propulsor desta cilindrada: marca 1.223 kg na balança. A Kia Motors, entretanto, não divulga dados de desempenho do carro.

Mesmo com essas ressalvas, o novo conjunto mecânico tornou o Cerato mais confortável e, sobretudo, mais econômico. O modelo avaliado pelo AUTOO apontou médias de 9 km/l em ciclo urbano e sempre acima dos 16 km/l em trechos de estrada. Na linha anterior, esses números eram inferiores, em especial na estrada, onde uma sexta marcha faz muita diferença. Um exemplo dessa melhora pode ser analisado quando o carro supera os 120 km/h e o conta-giros permanece abaixo das 3.000 rpm. Acima desse giro, o consumo de gasolina seria bem maior.

Recheio

Fora o câmbio, nada mais mudou no Cerato. A Kia Motors cedeu ao AUTOO a versão E.283, a top de linha do catálogo. Custa R$ 64.900 e já vem com uma infinidade de itens de conforto e equipamentos. A versão tem airbag duplo frontal, rodas de alumínio aro 17”, bancos revestidos de couro, ar-condicionado digital, faróis de neblina, aparelho de som CD/MP3 player com porta UBS e para iPod e o mais importante, freio a disco nas quatro rodas com ABS e EBS.

O interior do sedã médio da Kia não chega a ser tão amplo quanto o de um Corolla, mas também está longe do aperto de um VW Polo Sedan. O modelo importado da Coreia do Sul é o meio termo. Quem viaja nos bancos frontais não tem do que reclamar. Por outro lado, passageiros com mais de 1,80 m de altura na sessão traseira poderão chiar. O porta-malas segue a mesma premissa com sua capacidade para 415 litros de volume de bagagem. Não falta espaço, mas também está longe de sobrar alguma brecha.

Sempre atenta às críticas, a Kia reformulou totalmente o visual do Cerato, que até então era considerado apenas mais um carro feio. A reclamação seguinte foi para o câmbio antiquado, situação já corrigida na linha atual. Mas os brasileiros ainda não estão completamente satisfeitos com o carro. Falta agora a versão com motor flex, prometida para 2012.

 
 
Kia Cerato agora possui câmbio automático de 6 marchas Kia Cerato agora possui câmbio automático de 6 marchas
Sedã mede 4,53 metros de comprimento Sedã mede 4,53 metros de comprimento
Versão top de linha E.283 custa R$ 64.900 Versão top de linha E.283 custa R$ 64.900
Visual da linha 2012 do Cerato não tem mudanças em relação a anterior Visual da linha 2012 do Cerato não tem mudanças em relação a anterior
Versão mais requintada traz repetidores de seta nos retrovisores Versão mais requintada traz repetidores de seta nos retrovisores
Todas as maçanetas contam com acabamento cromado Todas as maçanetas contam com acabamento cromado
Rodas de alumínio da série E.283 são aro 17 Rodas de alumínio da série E.283 são aro 17
O Cerato já vem com a antena instalada no teto O Cerato já vem com a antena instalada no teto
Farois de neblina também estão na lista de equipamentos do Cerato Farois de neblina também estão na lista de equipamentos do Cerato
O desenho da traseira é simples, mas não deixa de ser elegante O desenho da traseira é simples, mas não deixa de ser elegante
Detalhe do design trapezoidal da lanterna Detalhe do design trapezoidal da lanterna
Interior do Cerato é bem resolvido com ergonomia adequada e acabamento de qualidade Interior do Cerato é bem resolvido com ergonomia adequada e acabamento de qualidade
A versão E.283 tem volante revestido de couro com costura em linha vermelha A versão E.283 tem volante revestido de couro com costura em linha vermelha
Painel de instrumentos é bonito. Atenção ainda para as borboletas atrás do volante para trocas de marcha Painel de instrumentos é bonito. Atenção ainda para as borboletas atrás do volante para trocas de marcha
Rádio tem interface digital com fonte de fácil leitura. Ar-condicionado também tem comando elétrico Rádio tem interface digital com fonte de fácil leitura. Ar-condicionado também tem comando elétrico
Entradas auxiliares para o rádio ficam no console Entradas auxiliares para o rádio ficam no console
O alavanca do câmbio também permite trocas manuais O alavanca do câmbio também permite trocas manuais
Sessão traseira conta apoio de braço central com porta-copos Sessão traseira conta apoio de braço central com porta-copos
 
 

Ficha técnica

Kia Cerato 2011 E.283 1.6 16V gasolina automático 4p
Preço R$ NaN (01/2018)
Categoria Sedã médio
Vendas em 2017 1.604 unidades
Motor 4 cilindros, 1591 cm³
Potência 124 cv a 6300 rpm (gasolina)
Torque 15,9 kgfm a 4200 rpm
Dimensões Comprimento 4,53 m, largura 1,775 m, altura 1,46 m, entreeixos 2,65 m
Peso em ordem de marcha 1248 kg
Tanque de combustível 52 litros
Porta-malas 415 litros
Veja ficha completa

Thiago Vinholes |