Lifan estuda instalar fábrica em Goiás

Grupo representante da marca chinesa também negocia com outros dois estados

Lifan 320 | Imagem: Lifan

A marca chinesa Lifan, que é representada pelo grupo Effa, já havia confirmado sua intenção de levantar uma unidade de produção no Brasil. Goiás, Santa Catarina e Espírito Santo já estão em negociações com a montadora, sendo que o estado do centro-oeste brasileiro está em estágio mais avançado nas conversas.

Conforme apurou AUTOO, o investimento consumirá cerca de US$ 100 milhões e o processo de produção será do tipo CKD, onde os veículos vêm desmontado do exterior e têm sua produção finalizada aqui, com a posterior montagem na fábrica.

Veja também: Effa confirma produção de veículos no Brasil

Um dos modelos cotados para ser produzido em Goiás é o 320, que teve suas linhas inspiradas no Mini Cooper e é equipado com motor 1.3 16V a gasolina.

A Lifan chegou ao mercado nacional em 2010 e, além do hatch, tem em seu portfólio o sedã 620. A marca vende em média de 100 a 200 carros por mês e ocupa a 26ª colocação no ranking geral de vendas, sendo a quinta chinesa que mais vende por aqui. Além dela, suas conterrâneas JAC Motors e a Chery também anunciaram altos investimentos no Brasil, para contrução de suas fábricas em Camaçari, na Bahia, e em Jacareí, no estado de São Paulo.

 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!