Claro que ainda é cedo para apostarmos em como será a sucessora da Chevrolet Montana aqui no Brasil, até mesmo porque a fabricante não aborda nenhum detalhes sobre o tema e flagras que poderiam levar a algumas conclusões sobre a novidade até o momento não começaram a circular seja aqui no Brasil ou no exterior.

De qualquer forma, ao olharmos o sucesso que a Fiat Toro alcançou no mercado brasileiro e sabendo que novos rivais estão a caminho, como é o caso da Volkswagen Tarok, não é algo tão impossível a GM mudar completamente a proposta da Montana e promover um profundo upgrade para o modelo em todos os sentidos.

Correm nos bastidores algumas informações de que a transformação da Chevrolet Montana em uma picape compacta-média nos moldes de Fiat Toro e Renault Duster Oroch é algo que está nos planos da GM. Como a Ford pode investir em uma picape de tamanho semelhante, abaixo da Ranger e que pode resgatar o nome Courier, a estratégia faria ainda mais sentido uma vez que a GM teria uma novidade pronta para responder a iniciativa da Ford.

Tomando como base o interessante Chevrolet Trailblazer destinado aos mercados de China e EUA (que nada tem a ver com o Trailblazer nacional), o designer Kleber Silva usou os elementos estéticos do SUV para criar uma picape derivada do modelo e podemos dizer que o resultado ficou bem interessante. A nova linguagem de design da Chevrolet, amparada em uma dianteira mais agressiva e com uma grade frontal bem pronunciada, também vai figurar no nova geração do Tracker.

Além de Renault e Fiat, que já atuam na categoria, e futuramente a Volkswagen, que já bateu o martelo sobre a estreia da Tarok em nossa região, a Hyundai estuda com muita atenção uma investida no segmento. O conceito de uma picape derivada do Creta foi revelado em 2016, mas até o momento não notamos nenhuma iniciativa mais concreta da fabricante para tirar do papel seu projeto.

Hoje em dia o segmento de picapes compactas anda escasso no Brasil. A ideia de subir a Montana de nível pode ser algo interessante para a marca Chevrolet, uma vez que, mesmo com um projeto com qualidades, a Montana não consegue vender o mesmo que a líder Fiat Strada e a VW Saveiro.

Talvez apostando em um novo tipo de carroceria, a Chevrolet Montana com um porte maior possa ganhar mais destaque na gama da marca. Vamos acompanhar os próximos movimentos da GM por aqui para saber se novas informações surgem com o tempo.

E você? O que acha de uma Montana com porte da Fiat Toro? Seria uma boa saída para a GM?

 

Projeção de Kleber Silva sobre uma possível picape de porte compacto-médio dentro da gama Chevrolet
Projeção de Kleber Silva sobre uma possível picape de porte compacto-médio dentro da gama Chevrolet
Imagem: Kleber Silva

 

 

 

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/