Na Índia, Renault trabalha em um Kwid ''tamanho família''

Flagra revela projeto para uma variante mais espaçosa do hatch
Renault Kwid 2018

Renault Kwid 2018 | Imagem: Divulgação

Com boa aceitação aqui no Brasil, como é possível notar em nosso ranking de vendas, o Renault Kwid tem parte de sua aceitação limitada devido ao espaço interno acanhado (apesar do bom porta-malas) e a falta de alguns recursos mais nobres, por assim dizer, como a oferta de um câmbio automático. A proposta do modelo, contudo, sempre foi a de ser uma alternativa barata de deslocamento e seu projeto foi simplificado ao máximo para que seu preço ao consumidor final fosse o menor possível. De fato, nesse ponto o Kwid se destaca frente aos rivais, ainda mais pela interessante altura em relação ao solo de 18 cm que ajuda a encarar muitos obstáculos da “selva urbana”.

Uma notícia muito interessante foi revelada pelo site Motor.es, revelando algumas unidades em teste, na Índia, de uma variante monovolume do Kwid destinada a quem precisa de mais espaço. Clique no link para conferir as fotos. 

Como é possível ver nas imagens, o modelo inédito apresenta uma área bem mais generosa a partir da coluna B, o centro do carro, o que nos sugere um espaço interno melhor bem como ainda mais volume disponível para bagagens no porta-malas. Internamente, a nova derivação do Kwid é conhecida como projeto Renault RBC, nos antecipa o Motor.es

O tamanho desse “kwidão”, contudo, deverá ficar abaixo de 4 metros de comprimento, uma vez que modelos acima disso pagam impostos mais caros no mercado indiano. A apresentação do novo modelo na Índia está prevista para a metade do ano, com o início das vendas esperado para ocorrer alguns meses depois, o que nos sugere que o projeto está em uma fase bem avançada.  

A novidade deverá ser uma solução para famílias que precisam de mais espaço em relação ao que o Kwid oferece, mas não querem gastar muito dinheiro no seu próximo automóvel.

Em decorrência do tamanho maior, é bem possível que o Kwid monovolume passe a contar com o reforço de motores mais potentes. Algumas fontes ouvidas pelo site espanhol dão conta até mesmo de um propulsor 1.0 turbo, o que certamente ofereceria ao modelo um bom compromisso entre desempenho e baixo consumo. A nova variante do Kwid também deverá ter uma opção automática, no caso uma caixa de 5 marchas. 

A possibilidade desse Kwid monovolume chegar ao Brasil não nos parece algo muito factível, uma vez que, até o momento, não notamos qualquer sinalização da divisão brasileira da Renault para tal. Contudo, é bom ficarmos de olho na medida em que o projeto avança na Índia. Ao sinal de qualquer novidade ou o surgimento de uma possibilidade mais concreta desse modelo inédito chegar ao nosso país voltaremos a relatar aqui no Autoo. Acompanhe! 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!