Novos Chevrolet Suburban e Tahoe ficam ainda maiores nos EUA

Grandalhões SUVs ganham ainda mais comprimento e entre-eixos, aproveitando a base da nova Silverado
Os novos Chevrolet Tahoe Z71 2021 (esq.) e o Chevrolet Suburban High Country 2021

Os novos Chevrolet Tahoe Z71 2021 (esq.) e o Chevrolet Suburban High Country 2021 | Imagem: Divulgação

Se você acha que a nossa Chevrolet Trailblazer já é muito grande para a maioria dos casos nas ruas brasileiras, vai se impressionar com a linha 2021 dos novos Suburban e Tahoe que a Chevrolet apresentou para o mercado norte-americano. Pegando carona na base da nova caminhonete Silverado, a dupla ganhou ainda mais comprimento e entre-eixos. As vendas por lá começam no início de 2021 e o preço, ainda não confirmado, deve começar em torno de US$ 70 mil (cerca de R$ 290 mil).

Com essa nova geração da linha 2021, Suburban e Tahoe cresceram. Vale ressaltar que ambos utilizam o chassi da nova geração da picape Silverado e que os dois possuem capacidade para levar até oito passageiros. O Suburban, mais comprido, consegue levar todos sem comprometer muito a capacidade do porta-malas, mesmo com as três fileiras de bancos em uso.

Falando nas medidas, o novo Chevrolet Tahoe tem ao todo 5,35 m de comprimento e 3,07 m de entre-eixos. Para comparação, o nosso Chevrolet Trailblazer tem 4,88 m de comprimento e “apenas” 2,84 m de entre-eixos. Ainda maior, o Suburban chega a 5,73 m de comprimento e 3,40 m de entre-eixos. De fábrica, os dois SUVs norte-americanos trazem rodas de 18 polegadas, mas, opcionalmente, peças de 20 polegadas podem ser instaladas.

Visualmente, Tahoe e Suburban têm praticamente a mesma frente vista na Silverado, com grade bem horizontalizada e faróis menores contornados por faixas em formato de S que também cumprem a função de luzes diurnas de LED (DRL) e se estendem aos para-choques. A traseira é bem mais convencional e simples, mas vale o destaque para as linhas de LED nas lanternas.

Em termos de motorização, claramente os SUVs poderão utilizar propulsores V8 a gasolina. O básico é um 5.3 V8 com até 360 cv de potência, enquanto um 6.2 V8 de 426 cv é opcional. Para quem quiser mais torque em baixas rotações, como para puxar trailers, algo bem comum nos EUA, há uma opção 3.0 turbo diesel de 281 cv e nada menos que 63,6 kgfm de torque.

Em ambos os casos a única opção de transmissão é automática de dez velocidades operada por botões no painel. A tração pode ser traseira ou 4x4 e vale o destaque para a suspensão. Agora, Tahoe e Suburban utilizam sistema independente multibraço na traseira, abandonando o eixo rígido das antigas gerações e ainda utilizado na Silverado. Como opcional, os SUVs também poderão ser equipados com amortecedores pneumáticos. 

Como abordamos aqui no Autoo, é interessante ficarmos de olho nos produtos mais recentes da Chevrolet nos EUA, em especial os utilitários, uma vez que eles podem inspirar o design para a atualização visual pela qual S10 e Trailblazer devem estrear no Brasil ao longo de 2020.  

Chevrolet Tahoe Z71 2021
Chevrolet Tahoe Z71 2021
Imagem: Divulgação