Por conta da crise, sucessor do VW Gol e seu SUV derivado devem atrasar

Pandemia do novo coronavírus fará a Volkswagen rever seus planos de investimento no país
Projeção de Kleber Silva para a próxima geração do Volkswagen Gol

Projeção de Kleber Silva para a próxima geração do Volkswagen Gol | Imagem: Kleber Silva/Autoo

Além de ter apresentado mais detalhes sobre o Nivus, um dos lançamentos mais aguardados para este ano, o presidente e CEO da Volkswagen para a América Latina, Pablo Di Si, revelou mais uma informação relevante durante a entrevista que concedeu para o Automotive Business.

De acordo com o principal executivo da fabricante para o Brasil e demais países vizinhos, a crise econômica desencadeada pela Covid-19 fará a empresa “congelar” seu novo ciclo de investimentos no país. Já era aguardada uma manifestação da Volkswagen sobre um aporte na unidade da Taubaté (SP), o qual, apesar da marca não confirmar até o momento, deve se tratar do montante necessário para o desenvolvimento do sucessor do Gol e a criação de um SUV/crossover derivado de baixo custo.

O presidente da VW para a América Latina explica que nesse momento a empresa tem que lidar com um consumo excessivo do seu dinheiro em caixa, uma vez que, com fábricas e vendas paradas, ela precisa cumprir com o pagamento da folha salarial entre outras despesas. “Em três ou quatro meses desembolsaremos valor similar a um plano de investimento para três ou quatro anos”, pondera o executivo.

De acordo com Pablo Di Si, a perspectiva é que assim que o período mais agudo da crise passar será possível para a subsidiária brasileira da Volkswagen realizar uma análise mais profunda do cenário econômico e do setor automotivo e estabelecer seu próximo plano de investimentos. Durante toda a entrevista, o executivo deixou claro que o futuro plano de investimentos está apenas paralisado devido às circunstâncias e não cancelado, o que por si só já é uma boa notícia.

Celebrando 40 anos de mercado em 2020 e um modelo que já se tornou uma referência no setor automotivo brasileiro, a expectativa é que a nova geração do Gol chegasse ao mercado em 2022. Com os reflexos da crise, portanto, é muito provável que o cronograma possa sofrer atrasos.

Projeção de Kleber Silva sobre a próxima geração do Volkswagen Gol
Projeção de Kleber Silva sobre a próxima geração do Volkswagen Gol
Imagem: Kleber Silva/Autoo

Assine a newsletter semanal do AUTOO!