Qual carro elétrico da Peugeot escolher: o hatch e-208 GT ou o SUV e-2008 0 km?

Ambos contam com motor elétrico de 100 kW (136 cv) e 26,5 kgfm de torque, com três diferentes modos de condução
Por quase o mesmo preço é possível levar o SUV 2008 ou o hatch 208, ambos na versão 100 elétrica

Por quase o mesmo preço é possível levar o SUV 2008 ou o hatch 208, ambos na versão 100 elétrica | Imagem: Divulgação

Outubro foi o segundo mês consecutivo que bateu recorde em vendas de eletrificados no Brasil. De acordo com a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE), foram 9.537 veículos eletrificados leves emplacados, alta de 114% comparado ao mesmo período de 2022 (4.460 unidades). Já em relação a setembro, o crescimento foi de 13%, com 8.458 vendas.

VEJA TAMBÉM:

Diante desse cenário, “confrontamos” os dois 100% elétricos da Peugeot para você ter com até R$ 240 mil. O primeiro é o e-208, um hatch com pegada esportiva e o outro, o SUV espaçoso e-2008. Ambos têm em comum o motor elétrico de 100 kW (136 cv) e 26,5 kgfm de torque, com três diferentes modos de condução: Sport (mais potente); Normal (equilíbrio entre economia e performance) e Eco (mais economia).

Falando do hatch elétrico, a sigla GT - que remete à esportividade nos carros - casa bem com o carro. Importado da Eslováquia, onde é fabricado, chegou aqui no final de 2021 e trazendo o mesmo design do 208 a combustão. Além do visual chamativo e reforçado pelas opções de cores vivas como a amarela Faro (metálica), o desempenho é digno de um esportivo raiz. Afinal, dentro de suas proporções, ele acelera de zero a 100 km/h em apenas 8,3 segundos, enquanto que a velocidade final é de 150 km/h, considerando que é um elétrico que pesa 1.539 kg.

Quanto à autonomia, o e-208 é dono de uma média invejável. Com uma bateria de 50 kWh de capacidade, com o carregamento total, você consegue percorrer até 345 km no ciclo WLTP, e 220 km no ciclo PBEV. Além disso, o câmbio automático (e-Toggle) do tipo joystick além de contar com os tradicionais modos (P, R, N e D), possui o “B Mode” que garante a regeneração da bateria, otimizando o alcance do veículo. 

Agora, só compre se você for solteiro, pois o espaço não é o forte dele, ainda que seja um hatch de pouco mais de 4 m de comprimento, mas com só 2,53 m de entre-eixos. A altura de 1,45 m engana os mais altos no banco traseiro - que é apertado, pois a partir da coluna B, o teto vai caindo suavemente até a coluna C, comprometendo o espaço para quem viaja atrás. 

Peugeot e-208 2022
Peugeot e-208 já mudou na Europa e logo chega ao Brasil com as mudanças adotadas no mercado europeu
Imagem: Divulgação

Já a altura livre do solo é outro ponto que desagrada, raspando facilmente em lombadas ou valetas, o que exige a sua atenção redobrada, se não quiser ter de gastar o reparo no para-choque ou até algo pior. Já os pneus do tipo run flat geram polêmica: são conhecidos por dispensar o uso de estepe e rodar por um tempo maior até um borracheiro, mas com a desvantagem de serem mais duros e com isso desfavorecer o conforto. Aliás, eles têm a medida 205/45 R17.

Já o SUV elétrico e-2008 vem importado da Espanha desde o final de 2022 e aposta no apelo familiar. Para isso, seus 4,30 de comprimento (25 cm a mais ao do hatch e-208 GT) e 2,60 de entre-eixos (7 cm a mais) e 1,55 m de altura (10 cm superior) possibilitam melhor acomodação. Já a largura é só 4 cm maior em relação ao hatch. Mas é no porta-malas que realmente o e-2008 pode te agradar, pois os 405 litros - contra apenas 265 l do e-208 GT - é superior até de SUVs um pouco maiores como o Seres 3, com 4,38 m de comprimento e 318 litros de porta-malas. 

A altura livre do solo de quase 20 cm é outro ponto positivo, ainda que exija cuidado da sua parte para não raspar a ponta do para-choque, mas superior ao do Volvo XC40 Recharge. Para isso, ajuda o jogo de pneus - também run flats - de medidas maiores 215/55 R18, ainda que também seja de perfil considerado baixo.

No desempenho, considerando a maior concentração de massa (1.630 kg, ou 91 kg mais pesado ao e-208 GT), o e-2008 consegue sair da imobilidade e atingir os 100 km/h em 9,9 segundos e alcançar a velocidade final de 150 km/h.

O SUV elétrico que compartilha igualmente a bateria com capacidade, com o carregamento completo, consegue uma autonomia de até 234 km pelo Inmetro, mas roda os mesmos 345 km no ciclo WLTP, bem como a recarga rápida de 80% que pode ser feita em até 30 minutos (estações de 100 kW). A transmissão automática é idêntica ao do hatch elétrico com a função “B Mode”, que aumenta o freio-motor, auxiliando na regeneração da energia.


Equipamentos de série: e-208 GT 22/23 vs. e-2008 23/23

Peugeot e-2008
Peugeot e-2008 teve preço reduzido e vai passar a ser fabricado na Argentina na versão a combustão
Imagem: Divulgação

Pelo site da Peugeot, o e-208 GT custa R$ 235.990, mas sobe para R$ 238.825, dependendo do tipo de pintura a ser escolhida no configurador. Por outro lado, o e-2008 sai por R$ 259.990, mas, caso você dê o seu usado na troca e faça a compra on-line, o valor despenca para R$ 199.990. Com R$ 2.835 a mais, é possível optar pelas cores especiais perolizadas azul Vertigo ou branca Nacré. 

Na questão da segurança, ambos trazem seis airbags (dois frontais, dois laterais e dois de cortina), freios ABS e distribuição eletrônica de frenagem, sistema de fixação de cadeirinhas infantis Isofix no banco dianteiro e traseiro, travamento automático de portas e porta-malas a partir de 10 km/h, alerta de colisão, frenagem automática de emergência, controlador de velocidade de cruzeiro (piloto automático) inteligente, alerta de atenção e fadiga ao motorista, sistema ativo de monitoramento de ponto cego e muito mais.

No pacote do conforto, ambos gozam de ar-condicionado automático, direção elétrica com assistência variável, sistema de auxílio de partida em subidas Hill Assist, bancos dianteiros com aquecimento individual, vidros elétricos nas quatro portas com função antiesmagamento, teto solar panorâmico, estofamento dos bancos em Alcantara, cluster 3D personalizável em até três cores e ambiente lights em led personalizáveis em até oito cores, além de outros inúmeros itens em comum.

No entanto, o banco do motorista com regulagem elétrica (ajuste manual no e-208 GT), por exemplo, é um dos poucos itens que é exclusividade do e-2008. Faça as contas e veja qual deles se encaixa melhor no seu gosto e necessidade. 

Siga o AUTOO nas redes: Instagram | LinkedIn | Youtube | Facebook | Twitter

 

Por quase o mesmo preço é possível levar o SUV 2008 ou o hatch 208, ambos na versão 100 elétrica

Por quase o mesmo preço é possível levar o SUV 2008 ou o hatch 208, ambos na versão 100 elétrica

Peugeot e-2008

Peugeot e-2008

Recomendados por AUTOO

Youtube
Honda City hatchback: para  órfãos do Golf e do Cruze

Honda City hatchback: para órfãos do Golf e do Cruze

Modelo é compacto na categoria, mas oferece espaço interno generoso. Veja avaliação
Aviação
5 jatos comerciais que não vendem nada

5 jatos comerciais que não vendem nada

Aviões são modernos e capazes, mas quase nenhuma companhia aérea os encomendou, inclusive um Embraer
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!