Qual será o nome do futuro Jeep 7 lugares nacional? Marca começa a dar as pistas

Marca revelou teaser em que os primeiros elementos da novidade começam a aparecer
Sugestão para o novo Jeep 7 lugares nacional mescla elementos de SUVs recentes da marca

Sugestão para o novo Jeep 7 lugares nacional mescla elementos de SUVs recentes da marca | Imagem: Kleber Silva/Autoo

Ano em que a marca comemora 80 anos de existência, 2021 promete ser agitado para a Jeep também aqui no Brasil.

No mesmo evento em que anunciou o preço e os detalhes iniciais do novo Compass 2022, a Jeep pegou a todos de surpresa e aproveitou para revelar um pequeno teaser onde adianta alguns poucos elementos do seu aguardado SUV 7 lugares que será produzido em Goiana (PE) ao lado do Renegade e o Compass.

Até o momento, sabemos de forma oficial que a novidade chegará ao mercado apenas com propulsores turbo em seu leque de opções, obviamente, portanto, estamos falando dos motores 1.3 flex da família GSE e o 2.0 diesel.

A novidade desta segunda-feira (5) é que pelo breve material divulgado pela marca já podemos fazer alguns palpites sobre a novidade.

Em um momento onde é possível ver o capô do SUV com o logotipo da Jeep, a próxima cena, onde identificamos a grade frontal, é possível constatar que ela claramente remete a modelos mais novos da marca de maior porte, como é o caso dos norte-americanos Wagoneer e Grand Wagoneer. Era esperado que a dupla ditasse os próximos elementos de design que vamos encontrar nos carros da marca.

No caso do “D-SUV”, como é conhecido até o momento o modelo 7 lugares nacional, a grade dianteira claramente traz a porção superior inspirada nos dois modelos lançados recentemente nos EUA, com aletas formando uma leve curvatura para delinear um aspecto mais robusto.

Terceiro modelo que a Jeep vai produzir no Brasil, futuro SUV 7 lugares também chegará ao mercado europeu
Terceiro modelo que a Jeep vai produzir no Brasil, futuro SUV 7 lugares também chegará ao mercado europeu
Imagem: Autocar

Em outro trecho do material, a Jeep não faz questão de esconder a presença das letras “ER” no logotipo com o nome da novidade.

Trata-se da mesma estratégia que a marca adotou nos EUA antes de revelar os novos Wagoneer e Grand Wagoneer por lá. Ao que nos pareceu pelas imagens, a combinação das duas letras figura ao centro do logotipo, abrindo margem para inúmeras combinações e possíveis nomes. 

É fato que em algumas entrevistas executivos da Jeep aqui no Brasil reiteraram que o SUV 7 lugares terá um nome próprio dentro da gama, descartando completamente apostas como “Grand Compass” ou qualquer tipo de ligação com o atual SUV médio da marca por aqui.

O modelo com três fileiras de assentos projetado no Brasil será o modelo topo de linha da Jeep com produção local e está com o lançamento confirmado para o segundo semestre deste ano. Na mesma época, a Jeep também anunciou nesta segunda que vai introduzir no mercado brasileiro algum modelo da gama 4xe de híbridos plug-in. 

 
Tags