7 novidades em 2020: saiba o que a Chevrolet prepara para o Brasil

Fabricante terá mais um ano intenso e com lançamentos importantes
Acima o Chevrolet Orlando chinês: inspiração para o sucessor do Spin no Brasil

Acima o Chevrolet Orlando chinês: inspiração para o sucessor do Spin no Brasil | Imagem: Divulgação

Depois de completar seus 11 lançamentos prometidos para este ano com o Equinox Midnight e a opção do motor 1.5 turbo para o SUV médio, a Chevrolet anunciou para 2020 a estreia de 7 novidades, incluindo nessa conta séries especiais e produtos completamente novos.

Claro que a marca ainda faz mistério sobre quais serão esses carros ou as novas séries especiais e aprimoramentos de motor e câmbio que poderão estrear na gama, mas, juntando algumas informações que começam a emergir por aqui e ao redor do mundo, conseguimos antecipar, ao menos em parte, o que a Chevrolet está preparando para consolidar sua liderança de mercado.

O próximo ano começa aquecido para a marca norte-americana no Brasil uma vez que a segunda geração do Tracker deverá ser lançada ainda no primeiro trimestre de 2020. Segundo notícias de bastidores, a produção do SUV completamente renovado começará a partir de janeiro em São Caetano do Sul (SP), abastecendo a rede de concessionárias para o lançamento um ou dois meses depois.

Mais um projeto derivado da plataforma GEM, o Tracker 2021 integra a mesma família dos novos Onix e Onix Plus, compartilhando com a dupla um estilo visual parecido bem como as diretrizes de design para a cabine e acabamento interno. O Tracker deverá repetir a fórmula de Onix e Onix Plus também na questão do custo-benefício agressivo, o que deverá posicioná-lo de uma forma interessante no segmento de SUVs compactos.

São esperados para o Tracker 2021 a presença de versões com câmbio manual (apenas na configuração de entrada mais acessível) e automático (este devendo ser o responsável por grande parte da procura), bem como os motores 1.0 e 1.2, ambos turbo e prometendo alto nível de eficiência (leia-se bom desempenho e baixo consumo).

Sucessor do Spin a caminho

Além do Tracker, outro modelo relevante dentro da linha Chevrolet que deverá estrear uma nova geração ainda em 2020 será o Spin. De acordo com informações apuradas pelo colunista do Autoo, Fernando Calmon, o modelo deverá chegar ao mercado no fim de 2020, ao que tudo indica fechando em grande estilo o cronograma de lançamentos da marca para o ano que vem.

O mistério sobre como será o novo Spin 2021, ao que tudo indica, pode ter terminado com a apresentação do Chevrolet Orlando na China no fim de setembro. O modelo, outro produto que integra a arquitetura GEM, deverá ditar as bases para a segunda geração do Spin no Brasil.

A atual minivan vai migrar para o segmento dos crossovers/SUVs uma vez que os monovolumes foram engolidos pelos utilitários esportivos nos últimos anos, portanto uma medida natural da marca e que busca sintonizar o novo Spin 2021 com as demandas atuais do público.

O Spin sempre se destacou como uma excelente opção para famílias mais numerosas – bem como para quem tem maior necessidade de espaço – em especial pela capacidade de transportar até 7 pessoas por um preço acessível, sendo, hoje em dia, o único modelo com essa característica oferecido por menos de R$ 100.000 com câmbio automático.

Pelas imagens, o novo Orlando chinês traz uma cabine com praticamente os mesmos detalhes dos novos Onix/Onix Plus já produzidos no Brasil, o que deixa clara a proximidade do crossover com a dupla. Por pertencer a uma família onde o preço acessível é um item primordial, é certo que o novo Spin 2021 deverá manter esse atributo por aqui. Na parte externa, o crossover mistura elementos do novo Tracker (como as lanternas, por exemplo) com produtos recentes da linha global da Chevrolet, como o norte-americano Blazer, portanto um conjunto muito mais arrojado do que o visto hoje no Spin.

Ao menos pelas informações preliminares do novo Chevrolet Orlando chinês, o modelo conta com generosos 2,79 m de entre-eixos, o que sinaliza uma cabine muito espaçosa. A Chevrolet declara que o modelo pode acomodar 7 passageiros com conforto e o porta-malas pode receber 479 litros de bagagens com a terceira fileira recolhida. No país asiático, o Orlando será movido por um propulsor 1.3 turbo de 163 cv e torque na casa de 23 kgfm. Aqui no Brasil, o Spin 2021 deverá receber o 1.2 turbo também presente no Tracker.

Atualizações e versões

Finalizando nossa lista de apostas para o que a Chevrolet pode revelar no Brasil ao longo de 2020, uma novidade que deverá chegar ao mercado no ano que vem deverá ser a opção esportiva RS do Onix. O hatch deverá oferecer motor 1.0 turbo e câmbio manual na inédita configuração esportiva para o modelo, que vai se destacar do restante da gama por elementos estéticos que coloquem foco na esportividade. A grade frontal do Onix RS também poderá ser diferente do restante da gama para acentuar o visual e a proposta mais esportivos do hatch.

Já nos EUA, é bem possível que seja apresentado no decorrer de 2020 o facelift para o Equinox, mas a estreia do modelo atualizado por aqui deverá ocorrer apenas em 2021. A conferir.

Por fim, é possível que tanto a picape média Chevrolet S10 como o SUV derivado Trailblazer ganhem uma atualização visual de meio-ciclo em 2020. Os utlitários podem permanecer com o mesmo conjunto mecânico, porém o visual externo seria alinhado com a linha mais recentes de picapes e SUVs da marca nos EUA.

Acima o Chevrolet Tracker Redline lançado em maio deste ano na China
Acima o Chevrolet Tracker Redline lançado em maio deste ano na China
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!