CAOA Chery supera Ford e termina no top 10 do ranking de vendas de maio

Fiat voltou a liderar com ampla margem, desta vez com o Argo superando os 10 mil emplacamentos
CAOA Chery Tiggo 8 2021

CAOA Chery Tiggo 8 2021 | Imagem: Divulgação

As vendas de veículos novos no Brasil tiveram uma ligeira melhora em maio ainda sob o efeito da escassez de componentes e da existência de restrições de deslocamentos por conta da pandemia. Números preliminares levantados pelo AUTOO mostram ao menos 175 mil unidades emplacadas no mês passado.

A maior novidade de maio envolveu a CAOA Chery, que assumiu a 10ª colocação no ranking pela primeira vez ao acumular 3.183 veículos vendidos. A montadora sino-brasileira desbancou nada menos que a Ford, que teve apenas 2.943 emplacamentos.

Sem produtos acessíveis, a marca do oval azul ainda assim teve 1.054 emplacamentos dos três modelos nacionais descontinuados – o Ka hatch e sedã e o SUV EcoSport.

A CAOA, por sua vez, registrou os maiores volumes de vendas de quatro de seus modelos, o Tiggo7 (345 unidades), Tiggo 2 (563), Tiggo 8 (846) e o Tiggo 5X, com 1.133 unidades (segundo melhor marca da sua carreira). No acumulado de 2021, no entanto, a Ford ainda possui ampla margem, superior a 10 mil veículos.

Vendas incomuns

No alto do ranking, a Fiat segue imbatível, com mais de 40 mil unidades emplacadas, maior volume mensal de 2021. A Volkswagen vem em seguida com 29 mil carros enquanto a Chevrolet continua a cair, com apenas 17,3 mil unidades, cerca de 420 a mais que a Hyundai, 4ª colocada.

Aliás, as principais marcas do grupo Stellantis apresentaram seus melhores resultados do ano em maio. Além da Fiat, a Jeep vendeu 13,5 mil carros enquanto a Peugeot chegou a 2,5 mil veículos – a Citroën  fecha essa lista com 1,9 mil veículos.

Fiat Argo 2021
Fiat Argo 2021
Imagem: Divulgação

O descolamento da crise da Fiat, no entanto, soa bastante atípico, justamente por ocorrer de forma alternada com seus modelos. Se em abril o Mobi foi o destaque no mês passado foi a vez do Argo ter um salto impressionante de 103%, chegando a 10.929 unidades emplacadas.

O Onix, por outro lado, continua em crise, com apenas 3.820 unidades vendidas e o modesto 13º lugar no ranking de maio. A situação tende a se agravar já que a General Motors tem suspendido a produção de suas fábricas no Brasil.

Entre os segmentos, destaque para os SUVs médios que, graças à renovação do Compass e a chegada do Corolla Cross, acumularam mais de 14 mil emplacamentos. O Jeep segue distante na liderança, mas o Toyota, com 3.678 carros emplacados, já faz alguma sombra ao rival.

A chegada do VW Taos neste mês deve tornar a categoria ainda mais relevante no ranking geral.

Veja mais números em nossas páginas especiais de emplacamentos:

Marcas mais vendidas em 2021

Veículos mais vendidos em 2021

Marcas mais vendidas em maio de 2021

Veículos mais vendidos em maio de 2021