Confirmado: Ford EcoSport 2018 terá novo câmbio

Modelo elimina um de seus pontos fracos, o frágil câmbio de dupla embreagem com 6 marchas
Ford EcoSport 2018

Ford EcoSport 2018 | Imagem: Divulgação

Modelo que praticamente inventou o segmento dos SUVs compactos, que hoje mostra-se o mais efervescente no mercado brasileiro e de alguns países ao redor do mundo, o Ford EcoSport vai receber um profundo banho de loja em sua linha 2018 para retomar mais espaço na categoria.

A marca revelou mais detalhes nesta semana da versão topo de linha do SUV, a Titanium, que trará como uma de suas principais novidades a troca do conjunto mecânico. O motor agora passa a ser o mesmo 2.0 16V presente na linha Focus, que conta com injeção direta e 176 cv de potência. Com isso, o EcoSport Titanium 2018 passará a se tornar o modelo mais potente do segmento. Outra excelente notícia é que a marca decidiu abandonar de vez o problemático câmbio de dupla embreagem PowerShift por uma transmissão automática convencional de 6 marchas, o que deverá garantir mais robustez para o modelo. É sabido por bastidores que a tendência é que a Ford inicie um trabalho para substituir a caixa de dupla embreagem no restante da linha, sendo que o próximo modelo que deverá receber a atualização deverá ser o Fiesta.  

Segundo números da fabricante, com o novo conjunto o EcoSport 2018 consegue acelerar de 0 a 100 km/h em 9,5 segundos e a caixa automática oferece a opção de trocas sequenciais por meio de borboletas no volante. Ainda na parte mecânica, a Ford destaca que mexeu na suspensão do EcoSport 2018, ampliando o curso para as rodas traseiras e reforçando as molas com o objetivo de melhorar a absorção de impactos.

A qualidade do acabamento, um dos pontos quase sempre criticados no Ford EcoSport, promete ter melhorado graças à reforços no isolamento acústico, a adoção de um para-brisa acústico na versão Titanium, a adoção de novos revestimentos e defletores nas rodas e nas partes traseira e dianteira.

Por fora, as novidades estéticas na parte externa do Ford EcoSport 2018 melhoraram em 11% a aerodinâmica graças ao novo capô, grade dianteira, para-choque e faróis. A grade dianteira também conta com sistema de controle ativo, que controla aletas posicionadas atrás da grade que se abrem ou se fecham de acordo com a velocidade contribuindo para aprimorar a aerodinâmica do modelo.

No interior, o Ford EcoSport 2018 reserva excelentes novidades. Quem abre a porta do modelo na versão Titanium se surpreende com o novo revestimento de couro de uma tonalidade bem clara (Light Stone), algo raro em carros nacionais, o que cria uma boa sensação na cabine. Para quem não é muito fã desse tipo de cor, a Ford destaca que o couro utilizado conta com um “repelente de sujeira” para evitar o surgimento de manchas no tecido. O modelo também passa a contar com a central multimídia Sync 3 com 9 alto-falantes e uma generosa tela flutuante de 8”. O modelo também recebe o teto solar elétrico nesta que é a sua configuração mais cara, além de faróis com lâmpadas de xenônio e luzes diurnas de LED. 

No campo da segurança, o EcoSport Titanium 2018 ainda conta com os controles de tração e estabilidade, 7 airbags, monitoramento da pressão dos pneus, câmera de ré com alerta de tráfego cruzado, alerta de ponto cego e sistema anticapotamento.

Em breve também 1.5

Uma das novidades mais aguardadas da linha EcoSport 2018 serão as novas versões com o propulsor 1.5 de 3 cilindros, que deverão responder pela maior parte das vendas do modelo.

A novidade, que terá o eficiente motor sob o capô, também deverá ter uma opção automática, conforme apuramos no Salão de Buenos Aires.

O lançamento do Ford EcoSport 2018 deverá ocorrer até o fim de julho, com a chegada às lojas logo depois.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!