Conheça as atrações do Salão de Buenos Aires

AUTOO reuniu os principais destaques do evento argentino que acontece de 20 a 30 de junho de 2013

Salão de Buenos Aires | Imagem: Reprodução

Separe a arruda e o pé de coelho, vem aí o Salão do Automóvel de Buenos Aires. A exposição, que já passou por maus bocados em seu curto e adverso histórico, abrirá suas portas ao público no dia 20 de junho e se estenderá até o dia 30 do mesmo mês no pavilhão de eventos La Rural, na capital argentina.

Enquanto o Salão do Automóvel de São Paulo prepara sua 28ª edição para 2014, o salão argentino, que faz rodízio com o evento brasileiro nos mesmos moldes dos salões europeus de Paris e Frankfurt, organiza sua 6ª edição. O evento portenho teve início em 1998 como bienal, voltou a acontecer no ano 2000 e ficou cinco anos sem ser organizado. Em 2005 foi reeditado, obedecendo a regra dos anos ímpares, todavia, após a edição de 2007 vem enfrentando alguns percalços. Seu penúltimo evento, de 2009, foi cancelado por causa da crise financeira mundial e a edição de 2011 sofreu com as cinzas do vulcão chileno Puyehue. Na ocasião, muitos visitantes estrangeiros tiveram seus voos cancelados e não puderam comparecer, inclusive a própria comitiva de imprensa brasileira.

Mesmo assim, a edição passada bateu o recorde de público e este ano, se tudo sair como o esperado, deve superar a marca de 560.000 visitantes. Aguardados lançamentos e novidades, importantes para o mercado brasileiro, não faltarão no salão argentino.

Confirmados para o Brasil

Certamente, os veículos produzidos na terra dos “hermanos” e confirmados para o mercado brasileiro serão destaque. É o caso da segunda geração do Citroën C4, que será fabricado em El Palomar e distribuído para toda a América Latina. Batizado de C4 Lounge, o sedã deve chegar ao Brasil ainda no segundo semestre. Além disso, a marca francesa exibirá o DS3 Cabrio, versão "sem teto" do DS3. Outro lançamento aguardado é a terceira geração do modelo mais vendido do mundo em 2012, o Ford Focus. As versões hatch e sedã devem sair da unidade da Ford em Pacheco equipadas com os mesmos motores Sigma 1.6 16v e Duratec 2.0, no entanto estima-se que uma variação do Sigma com comando variável de válvulas – o mesmo do New Fiesta - também equipe o Focus. O modelo é esperado para o o segundo semestre também.

Já a Nissan exibe no palco argentino o sedã Altima, que também chegará as ruas brasileiras em breve. Mais um modelo global que será exibido pela marca japonesa é o Versa, cuja linha 2014 chegou às lojas brasileiras há cerca de um mês.

Cotados para nosso País

Uma das principais novidades da Chevrolet no salão argentino é o jipinho Tracker. Se para os argentinos ele é uma certeza, para os brasileiros, nem tanto. Embora a marca queira vendê-lo por aqui, algumas limitações de importação podem afastá-lo de nosso mercado, por isso a marca norte-americana estuda opções para viabilizá-lo aqui, quem sabe até produzindo o modelo em São José dos Campos.

Da italiana Fiat podemos esperar a minivan baseada no 500, o 500L, com 4,15 metros de comprimento a versão tamanho família leva até cinco ocupantes. Há quem diga que ele será comercializado no Brasil, mas a montadora não confirmou. A francesa Peugeot leva para os argentinos a versão apimentada de seu hatch 208. Importado da Europa com potência de 200 cv, o 208 GTI seria uma boa exposição para a marca se viesse rodar em terras tupiniquins.

Conceitos

Como não pode faltar em um salão, os protótipos antecipam futuras linhas das montadoras e, quase sempre futuristas, mexem com o imaginário do público. A japonesa Toyota desembarca na Argentina com três modelos, o recentemente renovado TS030 HYBRID que competirá nas próximas 24 Horas de Le Mans, o híbrido plug-in NS4 e o Fun Vii, um protótipo com altíssimas doses de tecnologia, lembra mais um smartphone do que um veículo. Já exibido em Frankfurt em 2011, o Peugeot HX1 também marcará presença em Buenos Aires. O conceito “grandalhão” com seis lugares, possui portas articuladas nas extremidades e dispensa a coluna B. Já a também francesa Citroën embute toda sua “Créative Technologie” em uma versão híbrida do DS5. Batizado de DS5 Hybrid4, o modelo tem potência combinada de 200 cv e, segundo a marca, apresenta consumo de 26 km com um litro de combustível.

Curiosos

A curiosidade, que move o mundo, também move o evento automotivo argentino. A Nissan mostra seu 100% elétrico Leaf, um dos veículos mais emblemáticos da marca japonesa no momento. Mais eficiente que a versão lançada em 2010, o compacto já foi apresentado este ano aos europeus. No Pavilhão de La Rural, a divisão argentina da marca revelará seus planos para o "carro verde". Outro carrinho que merece atenção é o Fiat Panda 4x4, primo do novo Uno comercializado no Brasil, a novidade recebeu tração integral desenvolvida para encarar terrenos mais complicados e pisos escorregadios, como estradas cobertas de neve, o que é comum na região da Patagônia.

Porém, nada falado até então terá mais holofotes que o Bucci Special. Trata-se de um protótipo de superesportivo de dois lugares projetado e fabricado na Argentina. Equipado com mecânica Mercedes-Benz AMG V12 7.3 de 600 cv, o modelo tem grande potencial para resgatar o nacionalismo que é peculiar do povo argentino.

Poderiam estar

Ainda há chance também de aparições de surpresa em Buenos Aires. Modelos que poderiam surgir no pavilhão de La Rural este ano não são poucos.

A Audi, por exemplo, estará divulgando em junho na Europa a versão sedã do A3, já confirmada para nossa região. Já sua rival BMW tem uma novidade interessante, o X4, um cupê off-road que é irmão menor do X6. Outra alemã, a Mercedes-Benz, não faria mal em mostrar o CLA, sedã com visual de cupê que pode até ser feito no Brasil.

Entre os modelos mais acessíveis, a feira argentina seria um bom palco para o novo Sentra, sedã médio que a Nissan está prestes a lançar aqui. Já a Renault teria uma chance de testar a popularidade do Captur, o crossover de linhas modernas que também é cotado para ser produzido no Brasil. A Volkswagen, no entanto, é que tem várias cartas na manga para se destacar na capital argentina. O compacto up! e o novo Golf VII seriam ótimas opções para engrandecer o evento de nossos hermanos.

A cereja no bolo para os visitantes do salão poderia ser a LaFerrari, a mais potente e veloz Ferrari da história, mas talvez seja melhor que a marca espere o Salão do Automóvel de São Paulo de 2014, afinal, é muita boa vontade com nossos históricos rivais.

Acompanhe a cobertura do Salão de Buenos Aires nosso especial a partir do dia 19 de junho.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!