Defender se despede com três versões especiais

Primeiro e mais icônico veículo da Land Rover sairá de linha em 2015, após 68 anos de produção ininterrupta

Land Rover Defender dará adeus em 2015 | Imagem: Divulgação

A Land Rover, enfim, dará ao merecido descanso a um ícone do off-road, o Defender. Produzido ininterruptamente desde 1947, o jipão britânico é o equivalente ao Jeep para os americanos, mas deixará de ser produzido durante 2015.

Para celebrar a marca, a montadora lançou nesta semana três versões comemorativas do modelo, a Adventure, a Autobiography e Heritage. Cada uma explora uma vertente do Defender, mas em comum todas estão equipadas com uma versão mais potente de motor turbodiesel, com 150 cv de potência em vez de 122 cv. Veja abaixo os detalhes de cada uma delas.

Defender Autobiography

Toda na cor preta, a Autobiography possui interior revestido de couro no mesmo tom do exterior. Serão vendidas apenas 80 unidades na carroceria mais curta, do Defender 90. O preço em euro é de 68 mil e estará disponível em abril.

Defender Adventure

É o mais equipado deles. Disponível na versão curta ou estendida, o Adventure traz um bagageiro no teto, snorkel e escada além de pneus Goodyear M/T. Custa 45,9 mil euros e terá 600 unidades fabricadas.

Defender Heritage

Com visual retrô, é o mais interessante dos três. Seu visual busca inspiração na primeira versão e usa a mesma cor verde, batizada pela Land Rover de “Grasmere”. O Heritage traz teto branco com vidros laterais, para-choques com a inscrição HUE 166, a primeira designação do modelo, e será vendido por 39,9 mil euros – serão apenas 400 carros fabricados.

Made in Brazil

Para quem não se lembra, a Land Rover chegou a montar o Defender no Brasil, entre 1998 e 2006. Os veículos eram finalizados na fábrica da Karmann-Ghia, no ABC paulista, período em que as vendas atingiram seu ápice. Após o fechamento da linha, o Defender continuou sendo vendido, mas importado da Inglaterra até 2013 quando a legislação ambiental impediu que o jipe pudesse continuar no mercado nacional.

A Land Rover agora prepara uma nova geração do Defender, que atenda não só as normas de vários países onde ele deixou de ser comercializado, como também manter a tradição que os fãs da marca esperam. Em outras palavras, o oposto do Range Rover Evoque.
 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!