Considerada líder mundial na busca por segurança em seus veículos, a Volvo anunciou que a velocidade máxima de seus carros será de 180 km/h a partir de 2020 alegando questões de segurança.

A meta da empresa é que ninguém (motorista ou passageiro), a partir de 2020, morra ou sofra ferimentos graves dentro de um Volvo, sendo uma das melhorias em segurança mais ambiciosas da indústria automotiva. Sabendo que apenas a tecnologia não vai ser suficiente para evitar tais catástrofes, a fabricante começa a intervir no comportamento dos motoristas.

Em pesquisas, a Volvo identificou três pontos críticos que ainda poderiam levar a acidentes fatais e um deles é o excesso de velocidade. "Por causa de nossa pesquisa, sabemos onde estão as áreas problemáticas quando se trata de acabar com ferimentos graves e fatalidades em nossos carros. Qualquer atitude vale a pena se podemos salvar uma vida", afirmou Håkan Samuelsson, presidente da Volvo.

Além disso, a montadora está pesquisando como estabelecer a velocidade inteligente e geográfica, que será limitada de acordo com o trecho onde o carro está passando, como perto de escolas e hospitais, por exemplo. "Queremos começar uma conversa sobre se os fabricantes de automóveis têm o direito ou até mesmo uma obrigação de instalar tecnologia em carros que altere o comportamento de seu motorista, para lidar com coisas como excesso de velocidade, intoxicação ou distração", disse Samuelsson. "Não temos uma resposta firme para essa pergunta, mas acreditamos que devemos assumir a liderança na discussão e sermos pioneiros."

Além do excesso de velocidade, dois problemas continuam atormentando os especialistas em segurança. Um problema tão óbvio quanto o excesso de velocidade (e tão difícil de acabar) é a intoxicação. Dirigir sob a influência de álcool ou drogas é ilegal em grande parte do mundo, mas continua sendo uma das principais razões para lesões e mortes nas estradas.

A outra questão é a distração. Os motoristas distraídos por seus celulares ou que não estejam totalmente envolvidos na direção são outra causa de fatalidades no trânsito. De muitas maneiras, eles são igualmente perigosos como motoristas bêbados.

Por isso, a Volvo apresentará ideias para enfrentar a intoxicação e distração em um evento de segurança em Gotemburgo, na Suécia, em 20 de março. Aparentemente um problema já parece ter solução, agora resta focar nos outros dois.

Vinicius Montoia

Formado pela PUC-SP em jornalismo, Vinicius já atua no setor automobilístico desde 2013. É criador do canal Narração Esportiva do Youtube, projeto que conta a história dos maiores narradores esportivos do país

Vinicius Montoia | https://www.youtube.com/channel/UC2lKRtZdmSdMRJZ8Pim78Fw