Hyundai New Tucson estará no Salão para ficar

Nova geração do SUV médio começará a ser vendida logo após o evento e não aposentará o atual Tucson muito menos o ix35
Hyundai New Tucson 2017

Hyundai New Tucson 2017 | Imagem: Divulgação

A situação promete ser inédita no Brasil: nada menos que três gerações convivendo nas concessionárias da Hyundai no país. Estamos falando da chegada do ‘New Tucson’, terceira geração do modelo que surgiu em 2004 e tornou-se uma espécie de carro da virada da Hyundai por aqui.

Ele deve começar a ser vendido no mercado brasileiro logo após o Salão do Automóvel, onde terá lugar de destaque no estande da Hyundai, ao lado do futuro nacional Creta. E conviverá com as gerações anteriores, o Tucson e o ix35.

Sim, é isso mesmo. O New Tucson não aposenta o ix35 como este também não tirou o Tucson original de cena. O ineditismo está em ver modelos tão diferentes, porém, com porte parecido. Mas o novo SUV traz tantos avanços que mais uma vez a Hyundai e, sobretudo, sua parceira nacional, a CAOA, acharam por bem coloca-lo em outro patamar, mais próximo do Santa Fe.

O fenômeno de ‘avanço social’ do New Tucson é mais do que natural: carros, assim como seus donos (pelo menos uma parte deles), também crescem, ficam mais exigentes e caros. Por essa razão, hoje o possível sucessor do velho Tucson é ninguém menos que o Creta, este sim, na mesma faixa de preço embora de porte relativamente menor.

 
 
Hyundai New Tucson 2017
 
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
 
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
 
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
 
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
 
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
 
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
 
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
 
Hyundai New Tucson 2017
Hyundai New Tucson 2017
 
 

Sofisticação e motor turbo

O New Tucson deve justificar seu preço acima de R$ 120 mil (nossa expectativa) com itens como motor 1.6 T-GDi (turbo com injeção direta) de 177 cv de potência e até mesmo câmbio de dupla embreagem.

Terá entre os equipamentos freio de estacionamento elétrico, tração integral sob demanda e um espaço interno generoso, outro bom pretexto para dizer que ele não substitui o ix35.

Se agradar, é bem possível que a CAOA queira montá-lo na fábrica de Anápolis (Goiás), mas isso num futuro mais distante quando o mercado brasileiro se recuperar. Por enquanto, ele formará uma ‘árvore genealógica’ dentro das lojas da Hyundai, isso se o irmão mais novo, o Creta, não mandar o vovô Tucson para a aposentadoria.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!