O desenho já era conhecido, após fotos vazadas e imagens oficialmente reveladas. Faltava só conhecer os motores. Durante o Salão de Paris, a marca alemã confirmou que seu cupê de quatro portas terá quatro novos motores.

A princípio, o CLS estará disponível apenas em duas versões: 350 CDI BlueEFFICIENCY, com um 3.5 litros V6 a diesel de 265 cv; e a CLS 350 BlueEFFICIENCY, com um bloco também V6 de 3.5 litros, mas movido a gasolina e com 306 cv. Logo em seguida chegam as configurações 250 CDI BlueEFFICIENCY, de 204 cv; e CLS 500 BlueEFFICIENCY, com um V8 de 408 cv. Para aliar potência e consumo razoável de combustível, o novo CLS leva portas e capô em alumínio.

A Mercedes também apresentou em Paris o Classe A E-Cell. Limitada a 500 unidades, a minivan elétrica carrega um motor de 95 cv de potência e 29,5 kgfm de torque. Segundo a Mercedes, o Classe A E-Cell chega aos 150 km/h e acelera até os 100 km/h em 5,5 segundos. As baterias de íons de lítio, que podem ser recarregadas via rede elétrica convencional, são instaladas de baixo do assoalho.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Rodrigo Mora

|