Mitsubishi ressuscita Airtrek como SUV elétrico

Modelo, que chegou a ser vendido no Brasil, ganha teaser na Ásia e será mais um conceito de SUV movido por baterias
Teaser da Mitsubishi antecipa o novo Airtrek

Teaser da Mitsubishi antecipa o novo Airtrek | Imagem: Divulgação

Os fãs da Mitsubishi vão se lembrar do nome Airtrek. Ele chegou ao nosso mercado em 2003 como um SUV mais urbano que a família Pajero. Em 2008, sua segunda geração foi rebatizada como Outlander. No entanto, a montadora nipônica acabou de revelar um teaser onde mostra suas intenções de trazer a nomenclatura de volta.

O novo Mitsubishi Airtrek deve ser revelado nos próximos dias na China, durante o Salão do Automóvel de Xangai. A marca ainda não revelou muitos detalhes da novidade, mas sabe-se que ele será construído por lá em uma parceria entre a Mitsubishi e a chinesa GAC. A princípio, o modelo seria direcionado apenas para aquele país.

Outra informação confirmada é que a versão de produção do Airtrek será revelada pela Mitsubishi na China antes do final de 2021. A novidade será 100% elétrica, ao contrário do modelo que foi vendido por aqui com motores 2.0 e 2.4, e a empresa afirma que o SUV “expandirá os prazeres da vida com um carro” e que “expressará as características únicas de um veículo Mitsubishi”.

O teaser mostrando o novo Airtrek revela a grade familiar da Mitsubishi, chamada de Dynamic Shield, trazendo um formato retangular bem definido com os faróis divididos nas laterais. Segundo a marca, o novo SUV elétrico tem esse visual para evocar uma maior imagem de sofisticação, mantendo a performance esperada de um Mitsubishi.

Fim de carreira no Brasil em 2009

O Airtrek sobreviveu no mercado brasileiro até 2009, quando teve apenas 95 unidades emplacadas. No ano anterior, o último ainda relevante, haviam sido 1.957 unidades vendidas e o 5º lugar na lista de carros da Mitsubishi, mas já acossado pelo Outlander.

Teaser da Mitsubishi antecipa o novo Airtrek
Teaser da Mitsubishi antecipa o novo Airtrek
Imagem: Divulgação