Nissan Magnite surpreende pelo preço acessível na Índia

Pequeno SUV de entrada da marca está cotado para ser produzido na linha de montagem da empresa em Resende (RJ)
Nissan Magnite 2021

Nissan Magnite 2021 | Imagem: Divulgação

No final de outubro, a Nissan apresentou ao mercado indiano o Magnite. Pequeno SUV de entrada, utiliza uma variante alongada da plataforma do Renault Kwid. Enquanto a novidade não deve chegar às lojas daquele país antes do início de de 2021, o modelo é cotado para o Brasil para substituir o Nissan March na linha de produção da marca em Resende (RJ).

As informações divulgadas pela Nissan no lançamento do Magnite não foram completas. Entre os principais detalhes que ficaram de fora estão preços e versões. No entanto, o site Autocar India obteve junto a alguns lojistas por lá uma perspectiva a respeito do que a marca oferecerá em termos de opções e, mais importante, o quanto devem custar.

Saiba mais: confira todos os detalhes do novo Nissan Magnite

Nissan Magnite 2021
Nissan Magnite usa plataforma alongada do Renault Kwid
Imagem: Divulgação

De acordo com a publicação, o Nissan Magnite será oferecido na Índia em nada menos que 10 diferentes configurações de acabamento, duas de opções motor e duas de transmissão. Nas opções mais baratas, o pequeno SUV da marca deverá ter preços partindo de 550.000 rúpias, ou cerca de R$ 39,5 mil. Nesse valor, o Magnite sai equipado com um motor 1.0 aspirado de três cilindros entregando até 72 cv de potência, sendo similar ao usado pelo Renault Kwid e sempre acompanhado por uma transmissão manual de cinco marchas. 

Para ter acesso ao motor 1.0 turbo de três cilindros com 100 cv é preciso pular quatro versões e gastar ao menos 725.000 rúpias (R$ 52,6 mil). O câmbio permanece mecânico nesse caso. Para conseguir o motor turbinado e o câmbio automático CVT o valor sobe para 815.000 rúpias (R$ 59,1 mil), mas a configuração mais cara chegará a 955.000 rúpias (R$ 69,3 mil).

Nissan Magnite 2021
Cabine do Nissan Magnite
Imagem: Divulgação