Novo Nissan Kicks tem estreia adiada

SUV de entrada da marca seria mostrado na Tailândia com novo visual e uma inédita opção híbrida
Teaser antecipando o facelift do Nissan Kicks: nova dianteira e propulsão híbrida

Teaser antecipando o facelift do Nissan Kicks: nova dianteira e propulsão híbrida | Imagem: HeadLight Magazine

Não é sempre que o Salão do Automóvel de Bangcoc (TAI) traz novidades quentes para o mercado brasileiro, mas a edição de 2020, cancelada por conta do avanço do novo coronavírus, marcaria a estreia da linha 2021 do Nissan Kicks, que traria alterações também passíveis de chegar ao Brasil.

O SUV de entrada da marca deveria receber um novo visual e uma inédita versão híbrida. O site tailandês HeadLight Magazine teve acesso a uma imagem de teaser da novidade que seria utilizada pela Nissan na prévia da apresentação do modelo. De acordo com a publicação, a marca ainda não tem uma nova data de estreia para a novidade.

O adiamento acerta em cheio os planos da Nissan, que utilizaria o evento asiático não só para mostrar o novo Kicks como também para dar início à produção do sistema híbrido e-Power, que seria feito em uma nova fábrica tailandesa da marca também para abastecer o mercado japonês.

Pela imagem obtida na Ásia, é possível ver um pouco dos novos faróis do Nissan Kicks, com luzes diurnas de LED em formato retrabalhado, além de uma nova grade frontal. O teaser também mostra que o SUV terá de fato o sistema híbrido e-Power, que fez estreia no mercado japonês com o hatch Note, de porte similar ao do Honda Fit.

No caso desse hatch, o sistema híbrido e-Power utiliza um motor 1.2 a gasolina apenas como gerador de energia para o sistema elétrico, sem que o propulsor térmico atue diretamente na movimentação do veículo. Isso fica a cargo do motor elétrico, de 109 cv e 25,9 kgfm. De acordo com a publicação tailandesa o novo Kicks e-Power deve receber um motor um pouco mais potente, com cerca de 130 cv.

Como noticiamos aqui no Autoo, a Nissan não esconde que planeja fabricar a opção híbrida do Kicks no Brasil, a qual, no futuro, poderá rodar também com etanol.

Nissan Kicks vendido nos EUA
Acima o Nissan Kicks vendido nos EUA
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!