Volvo XC90 2017 chega ao Brasil e até dirige sozinho

SUV grande da marca sueca traz ao país a segunda geração do sistema Pilot Assist
Volvo XC90 2017

Volvo XC90 2017 | Imagem: Divulgação

Modelo que trouxe grande inovação ao segmento dos SUVs de grande porte de luxo, o Volvo XC90 estreia a linha 2017 no Brasil com uma novidade interessante. O XC90 2017 oferecido aqui agora é comercializado a segunda geração do sistema Pilot Assist, que funciona em velocidades até 130 km/h.

O recurso, praticamente um sistema de condução semi-autônoma, controla a direção, aceleração e o freio e se responsabiliza pelo deslocamento do carro na velocidade programada mesmo sem um veículo a frente. A primeira geração do Pilot Assist tinha funcionamento limitado a 50 km/h, porém ainda é preciso que o piso conte com faixas bem demarcadas.

A Volvo destaca que, para que o Pilot Assist funcione o motorista deve estar sempre no controle do automóvel, com as mãos no volante, para manter o sistema em operação. O condutor tem ainda a possibilidade de intervir no Pilot Assist via acelerador, freio e volante, de acordo com sua vontade. Caso ele queira mudar de faixa, a seta indicadora aborta temporariamente o assistente de direção. O acionamento do Pilot Assist é feito por meio de um botão à esquerda no volante.

Além do Pilot Assist, o XC90 2017 também é uma referência nos equipamentos de segurança. Ele é o primeiro veículo no mundo a contar com um sistema capaz de frear o veículo caso o motorista do XC90 tente realizar uma conversão que pode ser perigosa na frente de outro automóvel vindo em sentido contrário. O SUV também conta alerta de permanência em faixa com correção automática, controle eletrônico anti-capotamento e a nova geração do Sistema de Proteção contra Lesões na Coluna Cervical (WHIPS).

A versão mais acessível do XC90 2017 é a Momentum, tabelada em R$ 346.900. Ela traz a central multimídia com navegador e tela de 9” sensível ao toque, ar-condicionado digital com 4 zonas, bancos dianteiros com ajustes elétricos, assistente de estacionamento, painel de instrumentos digital e rodas de liga leve aro 19”.

A opção mais cara, por sua vez, é a Inscription, com preço sugerido de R$ 403.900. Ela recebe sistema de som especial com 1.400W de potência e 19 alto-falantes, suspensão a ar, rodas de liga leve aro 20”, head up display, alertas de colisão lateral e traseira, detector de pontos cegos e teto solar panorâmico.

Todas as versões do Volvo XC90 contam com 7 lugares, sendo que a terceira fileira oferece bancos individuais. O motor T6 Drive-E também é comum a ambos e trata-se de um 2.0 com turbo e compressor capaz de entregar 324 cv e 40,7 kgfm de torque. O câmbio automático conta com 8 marchas. Segundo a Volvo, o XC90 é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 6,5 segundos e atingir 230 km/h de velocidade máxima.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!