Chrysler aposenta o Caliber

Compacto foi considerado um dos piores modelos já lançados pela marca americana

Dodge Caliber | Imagem: Divulgação

O último dos projetos fracassados da antiga Chrysler deixará de ser produzido nesta semana. É o Caliber, um compacto vendido sob a marca Dodge que substituiu o sedã Neon em 2006.

A crítica americana considerou o Caliber um dos maiores erros da Chrysler: “um carro pequeno para lucro pequeno”. A sempre crítica Consumer Reports, que rebaixou o novo Civic recentemente, colocou o Caliber no final da lista de hatches e peruas em 2011.

O Caliber foi desenvolvido nos tempos em que a Daimler era proprietária da Chrysler e estava de saída. Mesmo mostrando-se um fracasso, ele continuou a ser produzido pelo grupo Cerberus, que assumiu a montadora antes da chegada da Fiat.

Veja também: Os destaques do Salão de Detroit 2012

À frente da Chrysler, Sergio Marchionne, CEO da Fiat, considerou o sucessor do Caliber como uma das suas prioridades. Ele será apresentado no Salão de Detroit dentro de algumas semanas como o novo Dart, um nome legendário na empresa. Sua missão certamente foi facilitada pelo antecessor.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!