Por mais que o VW Golf tenha vivido tempos melhores aqui no Brasil – atualmente as vendas do modelo e demais hatches médios estão baixas demais – o Golf ainda segue um modelo muito importante na Europa. Não por acaso ele vai alcançar sua oitava geração em breve, um símbolo do sucesso que esse modelo alcançou por lá.

Alguns leitores do site Carscoops conseguiram flagrar o VW Golf 2020 praticamente sem nenhum disfarce realizando alguns testes na África do Sul, antecipando o que podemos esperar do hatch em sua oitava geração.

Como é possível notar pelos flagras, o modelo vai manter o tradicional estilo da carroceria, com sua coluna C bem destacada, lanternas horizontais além de traços limpos e elegantes bem característicos da escola alemã.

Uma evolução considerável para o Golf VIII vai para a plataforma. Ele passará a ser projetado sobre a arquitetura MQB Evo, que vai proporcionar ao modelo uma considerável redução de peso, algo na casa de 45 kg dependendo da versão. Certamente também deveremos notar ganhos na rigidez torcional, o que resulta em melhor comportamento dinâmico, menor nível de ruído a bordo, entre outros atributos.

A nova plataforma ainda mais avançada vai permitir ao Golf ganhar recursos de eletrônica embarcada ainda mais sofisticados, portanto podemos esperar um ganho considerável na quantidade de assistentes de condução. A possibilidade do Golf 2020 estrear com um certo nível mais avançado de condução autônoma também não está descartada. Vale a pena lembrar que o Passat 2020 surpreendeu pela evolução nesse quesito.

Mecanicamente podemos esperar no Golf 2020 a gama de motores mais eficiente da Volkswagen, com destaque para os propulsores turbo e com injeção direta da família TSI, além de opções híbridas. Futuramente, a nova geração do Golf GTI deverá contar com um 2.0 turbo de cerca de 300 cv sob o capô.

A previsão é que o novo Golf 2020 comece a ser produzido na Europa a partir de junho deste ano, com a chegada ao mercado local alguns meses depois. Aqui no Brasil a situação do Golf permanece uma incógnita. Sua atual sétima geração é produzida localmente, porém os baixos números de venda talvez dificilmente justifique o investimento na nacionalização da oitava geração. De qualquer forma, sabemos da intenção da Volkswagen em importar ao menos a configuração híbrida do modelo para cá, algo que pode posicionar a oitava geração no Brasil como um produto de nicho. De qualquer forma, precisamos aguardar o lançamento na Europa para ter uma noção melhor dos caminhos que o Golf vai trilhar aqui no Brasil.  

Flagra da oitava geração do Volkswagen Golf em testes
Flagra da oitava geração do Volkswagen Golf em testes
Imagem: Reprodução internet/Carscoops

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/