A BMW reuniu a imprensa especializada nesta terça-feira (30) para apresentar as novidades de sua linha de utilitários esportivos no Brasil. Um dos grandes destaques do X Day, realizado na cidade de São Paulo, foi a apresentação do inédito X2 no Brasil. O modelo é uma grande aposta da marca no mundo e foi lançado globalmente neste mês durante o Salão de Detroit. 

Com isso, os executivos da marca no Brasil aproveitaram para anunciar os primeiros detalhes do crossover em nosso país, que é esperado para chegar às concessionárias no segundo trimestre deste ano.

A BMW revelou que o X2 terá duas versões no Brasil, ambas ainda sem preço definido. A configuração de entrada será a sDrive20i GP, que trará como destaques a central multimídia com navegação integrada e o assistente de estacionamento, dentre outros recursos. Acima dela está o X2 sDrive20i M Sport X, que acrescenta ao conjunto as rodas de liga leve aro 19”, bancos com formato esportivo, volante esportivo com aletas para as trocas de marchas, head-up display, dentre outros.

Por enquanto está confirmada apenas a oferta do motor 2.0 turbo de 192 cv para o X2 no Brasil. O propulsor atuará em conjunto com o novo câmbio DCG do grupo BMW, que conta com dupla embreagem banhado a óleo e 7 marchas. A opção da caixa de dupla embreagem, segundo a BMW, ocorre pelo comportamento mais esportivo que ela proporciona e vale a pena lembrar que o X2 terá tração somente nas rodas dianteiras por aqui. 

No primeiro contato do Autoo com o X2 ainda estático e em sua configuração M Sport X, a novidade nos pareceu bem interessante. O modelo conta com uma cabine bem ampla, com bom espaço interno para todos os passageiros e um porta-malas com boa capacidade para 460 litros de bagagem. O acabamento, como era de se esperar em um carro premium, é muito bom e traz o apelo esportivo que deverá agradar o perfil de um público mais novo para o qual o X2 foi concebido. 

Com o X2, a BMW segue os passos da Audi com o seu Q2 e mira em consumidores que querem um SUV compacto e urbano capaz de mesclar a altura em relação ao solo, a posição de dirigir mais elevada e a versatilidade dos SUVs, mas sem deixar de lado o viés esportivo.

Tendo em mente os dados técnicos, podemos esperar que a configuração do X2 escolhida para o mercado brasileiro não desaponte nesse item. Ponto forte do X2 também reside no design. O modelo tem um visual bem mais arrojado do que estamos tradicionalmente acostumados entre os SUVs e elementos como a faixa lateral contrastante e o logotipo da BMW na coluna C tornam o novo X2 um modelo bem original.

Em termos de posicionamento, a BMW disse apenas que o X2 terá um valor próximo ao do X1 atual. O X1 produzido no Brasil atualmente gravita entre R$ 191.950 e R$ 206.950 considerando as versões equipadas com o motor 2.0 turbo em sua calibração de 192 cv.

Novo X3 nas lojas em março 

Ainda neste semestre, mais precisamente em março, quem já dá as caras na rede BMW por aqui é a nova geração do X3.

O SUV, que atua no segmento médio de luxo, contará inicialmente com duas versões. A opção de entrada será a xDrive30i X Line, tabelada em R$ 309.950 e oferecendo o motor 2.0 turbo de 252 cv e 35,6 kgfm de torque disponíveis desde as 1.450 rpm. Acima dela estará a configuração M40i, com o 3.0 de 6 cilindros em linha turbo de 360 cv e 50,9 kgfm de torque a 1.520 rpm. Para as duas motorizações o câmbio será sempre o automático de 8 marchas, bem como as duas recebem tração integral.

Segunda BMW, o X3 xDrive30i X Line acelera de 0 a 100 km/h em 6,3 segundos, com velocidade máxima limitada em 240 km/h. Já o M40i, por sua vez, alcança 100 km/h em apenas 4,8 segundos e pode chegar a 250 km/h.

Em sua nova geração, o BMW X3 ganhou um acréscimo de 5 cm no entre-eixos, o que trouxe mais espaço para os ocupantes no banco traseiro. O SUV também recebeu uma boa lista de equipamentos de assistência para a condução como o Driving Assistant Plus (informa, por meio de alertas visuais e sonoros, situações de tráfego cruzado, riscos de colisão traseira, mudanças involuntárias de faixa de rolamento, e controle e prevenção de aproximação frontal); o assistente de estacionamento de última geração, que controla não só o volante como também os deslocamentos para frente e para trás; função Surround View que exibe imagens, em tempo real, do entorno do veículo; além de painel de instrumentos digital com tela de 12,3”, head-up display colorido (na versão M40i), faróis com tecnologia full-LED e nova central multimídia com navegador integrado, tela de 8,8” sensível ao toque e preparação para Apple CarPlay.

Por fim, a BMW também adiantou que o futuro X7, novidade que ocupará o posto de maior SUV da marca, também será importado ao Brasil. O modelo será revelado ainda neste ano na Europa, possivelmente no Salão de Paris, e chegará ao Brasil somente em 2019.

 
 
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
BMW X2 2018
BMW X2 2018
 
 
César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/