Land Rover terá programa de venda para pessoas com deficiência

Marca inglesa segue os passos das alemãs BMW e Mercedes-Benz
Land Rover Discovery Sport 2016

Land Rover Discovery Sport 2016 | Imagem: Divulgação

Se a nacionalização de carros de luxo não trouxe uma redução de preços tão grande quanto a esperada, ao menos uma faixa de clientes terá um bom benefício. Pessoas com deficiência (PCD) e demais consumidores aptos a adquirir um carros no regime de venda direta, no qual a transação é realizada direto com a fábrica, poderão adquirir modelos premium com a isenção ou descontos de tributos como o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados).

Depois da Mercedes-Benz e da BMW, o AUTOO apurou que a Land Rover vai oferecer um programa de venda direta de seus dois modelos produzidos na fábrica carioca de Itatiaia (RJ), no caso o Discovery Sport e o Range Rover Evoque. Com isso, os clientes PCD que procuram um carro mais sofisticado poderão ao menos ter o abatimento do IPI na compra. A previsão é que o programa de vendas diretas da Land Rover tenha início até dezembro deste ano.

Atualmente montados no Brasil somente com motor 2.0 turboa a gasolina de 240 cv, tanto o Range Rover Evoque quanto o Land Rover Discovery Sport irão estrear ainda neste ano as versões nacionais com o motor 2.2 SD4 turbodiesel de 190 cv, uma opção bem interessante para ambos. O câmbio automático de 9 marchas é comum às duas motorizações.

Vale destacar que, para quem procura um carro versátil para o transporte da família, o Discovery Sport pode receber como opcional uma terceira fileira de bancos, elevando a capacidade do SUV para 7 passageiros. 

Atualização (5/1/2018 às 17h54): a Land Rover anunciou no início de janeiro de 2018 o Land Rover Facilidade, programa de vendas destinado ao público PCD. Confira as informações clicando aqui. 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!