Projeções atualizadas: Ford Maverick, futura rival da Toro, tem novos detalhes conhecidos

Picape deverá estrear globalmente em 2021 com grandes chances de chegar ao Brasil
Projeção atualizada de Kleber Silva para a inédita Ford Maverick

Projeção atualizada de Kleber Silva para a inédita Ford Maverick | Imagem: Kleber Silva

Inspirada pela gama Bronco, a inédita Ford Maverick deverá ser uma grande aposta da marca não só nos EUA. Graças à produção no México, onde o Fusion era fabricado, são grandes as chances da inédita picape chegar também ao Brasil beneficiada pelo acordo tributário entre os dois países. Com ela, a Ford terá uma interessante rival para a Fiat Toro e Renault Duster Oroch, além de futuras iniciativas como a Volkswagen Tarok.

Recentemente um flagra realizado nos EUA nos permitiu ter uma noção mais exata da carroceria definitiva da Maverick, imagens estas que serviram de base para que o designer Kleber Silva pudesse atualizar suas projeções para a picape.

Até onde fica claro, a futura Maverick terá apenas configuração 4 portas e a marca pode trabalhar em uma caçamba mais alta para favorecer a capacidade volumétrica do compartimento, algo que faz mais sentido em uma picape com a proposta da Maverick. Certamente os potenciais clientes da novidade deverão utilizar o modelo muito mais para atividades de lazer e até mesmo o uso cotidiano do que terão uma necessidade efetiva de transportar cargas pesadas.

A Maverick será construída sobre uma variação da plataforma C2, a mesma arquitetura aplicada no Bronco Sport. O modelo deverá contar com tração dianteira em suas versões mais acessíveis, com a opção de um sistema de tração integral oferecido como um opcional. Por falar em preço, essa parece ser uma das premissas do projeto da Maverick, inclusive com a picape adotando uma suspensão traseira por eixo de torção, configuração mais simples do que a multibraço presente na Fiat Toro, por exemplo.

Sob o capô, não há muitas informações concretas sobre o que podemos esperar para a novidade. Rumores apontam que as versões de entrada da picape podem contar com o motor 2.0 aspirado, porém com injeção direta, que já figurou no Ford Fusion vendido aqui. Certamente o motor iria colaborar para favorecer ainda mais o custo-benefício da picape. Ainda é cogitado para figurar sob o capô da Maverick os propulsores 1.5 turbo com injeção direta e, para a opção mais cara da picape, o 2.0 turbo da família EcoBoost. Todos devem trabalhar em conjunto com a transmissão automática de 8 marchas.

Segundo a mídia especializada dos EUA, a previsão é que a Maverick faça sua estreia global na metade de 2021, isso se a pandemia da Covid-19 não forçar alguns ajustes no cronograma. A eventual estreia no Brasil, entretanto, talvez fique mesmo para 2022. Vamos acompanhar!

Projeção atualizada de Kleber Silva para a inédita Ford Maverick
Projeção atualizada de Kleber Silva para a inédita Ford Maverick
Imagem: Kleber Silva