Renault On Demand: por R$ 869 ao mês será possível assinar um Kwid

Marca passa a oferecer serviço de assinatura de carros no Brasil; confira outros modelos disponíveis
Renault Kwid 2018

Renault Kwid 2018 | Imagem: Divulgação

Seguindo os passos de Fiat e Jeep, Volkswagen e Toyota, a Renault também contará com um serviço de carro por assinatura no Brasil.

Lançado nesta quarta-feira (20), o Renault On Demand, como será chamado, vai oferecer cobertura nacional. Certamente é um diferencial importante em relação ao serviço de algumas concorrentes, alguns deles ainda focados em algumas cidades específicas dentro do território nacional.

Ao todo o Renault On Demand contará com três tipos de planos principais, no caso com 12, 18 ou 24 meses. Para os planos de 12 e 18 meses serão oferecidas franquias mensais de 1.000, 1.500 ou 2.000 km/mês. Já a modalidade de 24 meses poderá ser contratada com as opções de rodar 1.000 ou 1.500 km/mês.

No caso específico do Kwid, o Renault On Demand contará com o chamado “Plano Smart”. Dentro dessa condição, que prevê o uso do automóvel por 20 meses com uma franquia de 500 km/mês, o hatch poderá ser assinado a um custo mensal de R$ 869 na versão Zen.

Também será oferecido no Renault On Demand o Stepway na versão Iconic 1.6 CVT, partindo de uma mensalidade de R$ 1.539, além do Duster Iconic 1.6 CVT, com preço mensal começando em R$ 1.699. A contratação pode ser feita por meio de aplicativo ou diretamente no site do serviço. 

Caso o consumidor ultrapassar a franquia de quilômetros contratada, será cobrado um adicional de R$ 0,50 por quilômetro rodado, contudo o serviço se encarrega de monitorar o uso do carro e alerta o cliente caso a cobrança adicional passe demasiadamente do contratado.   

O Renault On Demand engloba os custos de revisões e demais manutenções preventivas e corretivas, seguro, assistência 24h com carro reserva e toda a gestão de documentos. Os carros são novos e, a partir da contratação, são entregues em 35 dias aos optantes pelo serviço. Apenas o custo do combustível não está dentro dos planos.

Interessante destacar que as mensalidades podem ser debitadas diretamente no cartão de crédito do consumidor ou pagas via boleto bancário. O modelo também poderá ser entregue na residência de quem optar pelo serviço e será possível adquirir acessórios, como a película solar para os vidros.

Segundo a Renault, é possível migrar de um plano para outro desde que observadas algumas condições, contudo o cancelamento do serviço antes do prazo vai implicar em multa para o consumidor. Por fim, ao final do contrato será possível adquirir o veículo caso seja de interesse do cliente ou o automóvel retorna para a concessionária. Pessoas jurídicas também poderão contratar o serviço. 

De acordo com Bruno Hohmann, vice-presidente comercial da Renault no Brasil, o serviço de carro por assinatura já responde por cerca de 30% das vendas de carros novos em mercados como a Holanda. A ideia da iniciativa é atingir um público de olho na praticidade oferecida pelo sistema, ao isentar o consumidor de lidar com toda a parte burocrática de possuir um carro, bem como permitir que a pessoa não tenha que se preocupar com a revenda do automóvel no futuro.     

Renault Stepway 2020
Renault Stepway também será uma das opções de modelos disponíveis no serviço de assinatura de carros da marca 
Imagem: Divulgação